Corrimento branco na gravidez, o que pode ser?

Corrimento branco na gravidez, o que pode ser? Veja o que a especialista diz sobre o assunto:

O corrimento, também chamado simplesmente de secreção vaginal ou leucorreia, por si só é completamente comum e normal nas mulheres, mesmo nas grávidas. Ele ocorre em todas as fases da vida em maior ou menor grau e com características diferentes.

“Corrimento é a secreção vaginal que se exterioriza. Pode ser considerada normal ou associada a alguma infecção dependendo de suas características”, explica a Dra. Juliana Leis S. Amato, ginecologista e obstetra e especialista em Reprodução Assistida do Amato Instituto de Medicina Avançada.

São justamente essas características que podem definir o que é a secreção natural da mulher ou algum corrimento que possa significar algum problema de saúde. Na gravidez, a mulher normalmente apresenta um aumento da secreção vaginal, pelas alterações fisiológicas que o corpo passa e que não necessariamente significa alguma anormalidade.

Corrimento branco na gravidez, o que pode ser?

gravidez corrimento branco pastoso

Quais aspectos do corrimento devem ser observados na gravidez? (Livestrong)

Na gestação é comum e normal uma secreção incolor ou branca de pequena quantidade, sem cheiro e que não causa irritação. Corrimentos brancos com aspecto de leite coalhado, amarelados ou acinzentados, associado a mau cheiro e coceira devem ser avaliados pelo médico, pois estão associados à infeção vaginal e necessitam de tratamento.

Leia mais: Saída do tampão mucoso, o que é?

Entre os problemas mais comuns que um corrimento pode indicar estão infeções por fungos ou bactérias que devem ser tratadas para não causar imprevistos na gestação. Infecções não tratadas podem desencadear trabalho de parto prematuro, por exemplo.

corrimento gravidez primeiro trimestre

A secreção vaginal é normal, mas quando ocorre alteração na cor, odor ou na quantidade, pode trazer dúvidas para a mulher, como no caso de um corrimento branco na gravidez. (Plannedparenthood)

O surgimento de um muco esbranquiçado ou pastoso durante a gestação é causado devido à mudança hormonal e o aumento do fluxo sanguíneo na região pélvica durante esse período.

A presença do corrimento branco na gravidez é perfeitamente normal nos primeiros meses de gestação e não causa nenhum risco para a saúde do bebê. O volume pode ser maior quando o útero passa a ser mais pressionado durante a gestação.

Por isso, se você apresentar esse tipo de corrimento sem o aparecimento de outros sintomas, não é preciso se preocupar.

É perigoso?

A imunidade da mulher fica mais baixa na gravidez e as chances de desenvolver infecções ou inflamações são maiores.

 corrimento amarelado na gravidez prejudica o bebe

Caso o corrimento apresente um odor forte ou causar incômodos, como coceira ou irritação, deve ser avaliado por um médico. (Groove)

Corrimento branco pastoso, grosso ou leitoso

Quando o corrimento branco na gravidez adquire uma textura pastosa e grossa, é possível que seja devido a uma candidíase ou uma vaginose bacteriana.

A candidíase possui uma aparência leitosa, tratando-se de uma infecção causada por fungos. O corrimento não apresenta cheiro ruim e geralmente vem acompanhado de coceira (prurido) na vagina e na vulva.

Já a vaginose bacteriana consiste numa infecção provocada por bactérias e apresenta um odor fétido e corrimento em abundância.

Corrimento branco leitoso

A secreção normal da vagina tem uma cor branca ou transparente, com textura expressa, odor suave, sendo formado por muco cervical, células mortas e bactérias naturais, com função de manter o canal da vagina limpo e úmido.

Para evitar a ocorrência de infecções na região da vagina, o pH deve se manter naturalmente ácido, sendo imprescindível manter a higiene na área íntima para evitar a alteração no pH.

corrimento branco leitoso

Porém, o excesso de higiene também deve ser evitado, como o uso de desodorantes íntimos, que podem desequilibrar a flora vaginal. (Griboks)

Fique atenta a Coceira, Mau Cheiro e Sangue no Corrimento

É preciso ficar atenta quando o corrimento branco na gravidez vem em companhia de coceira, mau cheiro, sangue, pus ou outros sintomas. Isso pode indicar uma infecção ou inflamação, que deve ser tratada para evitar complicações que prejudiquem a mãe e o bebê em seu ventre.

A recomendação é informar o ginecologista caso apresente alguns dos sintomas citados, além de corrimento com cor forte, dor ou ardência quando for urinar.

Como evitar corrimentos incomuns durante a gravidez?

Medidas simples podem ajudar a evitar alterações na secreção natural durante a gestação. Confira algumas indicadas pela Dra. Juliana Leis S. Amato:

 -Manter uma alimentação balanceada, evitando doces.
-Evitar situações de stress.
-Evitar roupas apertadas.
-Evitar ficar com roupa muito tempo molhada, na piscina ou praia.
-Prefira roupas íntimas de algodão, evitando as sintéticas.
-Evite fumar.

corrimento branco na gravidez

Foto: Cosmopolitan

O que fazer quando notar corrimento diferente do habitual na gravidez?

Assim como em todos os aspectos da gravidez, qualquer caso estranho ou que gere dúvidas sobre a secreção vaginal deve ser levado ao ginecologista ou obstetra. A Dra. Juliana Amato indica buscar o quanto antes o seu médico para este avaliar o melhor tratamento para o corrimento branco na gravidez. Ele vai querer saber detalhes sobre o cheiro, a coloração, ardências ou coceiras.

O tratamento geralmente é simples e utiliza medicamentos orais ou pomadas. “Evite usar pomadas que já tenha em casa, pois na gestação nem todas são indicadas”, completa Juliana.