Dor pélvica na gravidez

Entenda o que fazer para aliviar essas dores e se é motivo de preocupação ao final da gravidez


A Dor pélvica na gravidez é um dos incômodos mais comuns e está entre os motivos de queixas mais feitos pelas gestantes, juntamente com os enjoos e as dores nas costas. Geralmente, elas ocorrem no começo do segundo semestre de gestação.

Dor na virilha no final da gravidez

O motivo da dor pélvica na gravidez é o indicativo do início do crescimento do útero, que aumenta 20 vezes de tamanho durante a gestação. Isso acaba provocando um desconforto na mulher, em geral, ocorrendo por volta do 4º mês.

Esse é o período em que o útero vai em direção ao abdômen, o que provoca a distensão dos ligamentos que unem o útero à bacia. Isso resulta em uma dorzinha incômoda que permanece entre 2 a 3 dias.

dor na virilha no final da gravidez
Outros fatores também podem resultar na dor pélvica, como a mudança hormonal e a retenção de gases provocada pela lentidão intestinal. (Foto: Mappy)

O peso do útero conforme o bebê cresce no ventre materno faz com que a futura mamãe jogue o tronco para trás, causando incômodo devido à alteração da coluna.

Na maior parte dos casos, não há motivos para se preocupar com esse tipo de dores, pois não apresenta riscos para a mãe ou para o bebê. Porém, há casos em que pode indicar outro problema, como uma apendicite.

Quando a mulher se encontra no final da gravidez, há a possibilidade de indicar que está para entrar em trabalho de parto prematuramente. Por esse motivo, é importante observar o desenvolvimento da dor e, se necessário, ir ao hospital.

dor pélvica lado direito
Foto: The Bump

Estou grávida e sinto dor na virilha, é normal?

A dor na virilha pode incomodar as gestantes e, em alguns casos, também atingir as coxas. Isso é causado devido ao desequilíbrio causado pelo crescimento do bebê no ventre e é algo bem comum de acontecer.



Para minimizar essa sensação incômoda, pode ser necessário recorrer a uma fisioterapia, que ajuda a melhorar o equilíbrio na região, melhorando a função muscular. A hidroginástica também é uma ótima opção, pois ajuda a fortalecer as articulações com movimentos mais suaves dentro da água. O Pilates também pode ser feito para reduzir as dores. Outras formas de ajudar a reduzir a dor na virilha durante a gravidez é tomar banhos mornos, dormir com o travesseiro abaixo da barriga e fazer uma boa massagem.

Caso a dor seja muito incômoda, informe o médico para que ele receite um analgésico ou um anti-inflamatório. É importante tomar apenas o que o médico receitar, já que alguns desses tipos de remédios não são indicados durante a gravidez.

 

Um dos fatores que podem contribuir para as dores na virilha é o uso de salto alto, pois ele acaba sobrecarregando a coluna. O recomendado é usar calçados baixos durante a gestação. Outro fator é carregar objetos pesados, o que deve ser evitado pelas gestantes.

Caso a sensação de dor na virilha seja muito incômoda, procure um médico para que ele possa orientar e evitar que esse problema acabe se agravando.

Dor pélvica na gravidez
Avalie esta matéria!

- Publicidade -

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*