Como saber se perdi o bebê nas primeiras semanas?

Como saber se perdi o bebê nas primeiras semanas? Perder o bebê nas primeiras semanas de gestação pode acontecer devido a vários fatores, como má-formação uterina, problemas virais e, principalmente, por causa de uma má qualidade na formação do óvulo.

Em geral, a perda do bebê acontece entre o segundo e o terceiro mês da gestação.

Às vezes pode não ser fácil notar que houve um aborto espontâneo no início da gravidez. Por isso, veja como identificar se perdeu o bebê nas primeiras semanas.

 

 

Como saber se perdi o bebê nas primeiras semanas?

Quando isso ocorre, na maioria das vezes, é comum surgir um sangramento e a mulher não notar que teve o feto eliminado do organismo.

Há casos onde o aborto só é identificado durante a consulta, quando o coração do bebê não é mais ouvido pelo médico.

Como saber se perdi o bebê nas primeiras semanas

Havendo a suspeita de um aborto, é realizado um ultrassom para observar o útero e confirmar o diagnóstico.

Sintomas de aborto 

Quando a perda do bebê acontece nos 10 primeiros dias após a concepção, pode acontecer de a mulher acabar confundindo o sangue com uma menstruação.

Mas, caso você já sabia que está grávida e notar um sangramento, procure um hospital imediatamente para evitar complicações, como uma hemorragia ou infecções.

Aborto espontâneo e menstruação atrasada

Para que seja possível identificar se houve um aborto espontâneo ou se trata de uma menstruação atrasada, é preciso observar algumas diferenças entre eles.

No aborto espontâneo, o sangramento é em grande quantidade, sendo difícil de ser contido pelo absorvente.

O sangue pode apresentar um aroma ruim e a cor começa amarronzada e depois se torna vermelho vivo, com a presença de coágulos grandes. A dor se inicia repentinamente e é muito intensa.

Como os sintomas da menstruação podem variar dependendo do ciclo da mulher, o ideal é buscar informações com o ginecologista.

Para a confirmação do diagnóstico, é realizado um exame beta-HCG ou então um ultrassom transvaginal.

Leia também: Nidação ou Menstruação?

aborto na primeira semana

Foto: JoyaLife

Aborto espontâneo

Na maioria das vezes, quando ocorre um aborto nas primeiras semanas da gravidez, resulta em um sangramento que pode durar entre 2 a 3 dias. Após esse tempo, o sangramento e outros sintomas diminuem, até desaparecer por completo.

Mas, se o sangramento for muito intenso e causar tonturas ou fraqueza, é recomendado ir ao hospital ou avisar o ginecologista.

Será então indicado um medicamento para o alívio dos sintomas ou, se necessário, será feita uma pequena cirurgia para conter a hemorragia, conhecida como curetagem.

Perder o bebê significa que há riscos de acontecer novamente?

A perda do bebê nas primeiras semanas da gestação geralmente acontece apenas uma vez e, depois disso, a mulher pode engravidar novamente sem nenhum tipo de problema. Apenas em alguns casos específicos acontece de haver vários abortos consecutivos.

Se isso acontecer, é preciso realizar um tratamento para engravidar. No caso de perder o bebê nas primeiras semanas, o recomendado por especialistas é aguardar pelo menos dois meses antes de tentar engravidar novamente.