Idade Gestacional: Aprenda a calcular em meses e semanas

Descobrir a idade gestacional pode parecer algo difícil, principalmente quando se trata da primeira gestação. Porém, o cálculo para identificar as semanas de gravidez é feito de maneira bem simples.

A importância dessa informação vai desde o acompanhamento da saúde do bebê durante o pré-natal até a programação para o parto. Afinal, esse cálculo permite observar como está o desenvolvimento do feto e prever a Data Provável do Parto (DPP).

Por isso, vamos mostrar como é realizado o cálculo da idade gestacional tanto em semanas quanto em meses e como calcular de acordo com o dia da última menstruação.

O que é idade gestacional?

A idade gestacional consiste no tempo de gravidez calculado em semanas após o primeiro dia em que aconteceu a última menstruação.

Saber identificar com quantos meses a gravidez se encontra é importante para o bebê. Afinal, esse cálculo serve como base para definir os exames e demais condutas a serem realizadas pelo obstetra.

Em geral, a mulher não sabe quando foi a sua última relação com o parceiro e, por isso, não há como identificar em que dia a gestação teve início.

como calcular idade gestacional em meses

(Foto: NewsBytes)

Ao fazer o cálculo com base na última menstruação, torna-se possível ter uma estimativa aproximada.

A taxa de acerto desse método é muito alta, sendo inclusive recomendado pelo Ministério da Saúde. Além de contribuir para o agendamento de exames, identificar qual é a sua idade gestacional permite calcular a data prevista em que o bebê irá nascer.

Quando a gestante não sabe qual foi a data em que ocorreu a última menstruação, o cálculo é feito por meio de uma ultrassonografia. O mesmo acontece se ela tiver ciclos irregulares.

Como calcular idade gestacional em semanas?

Para fazer o cálculo da idade gestacional em semanas, é preciso que seja anotada a data da última menstruação (DUM). Em seguida, basta que sejam contados de sete em sete dias após o dia seguinte ao dia da última menstruação.

Não se começa a contagem da idade gestacional pelo dia que ocorreu a relação. Isso porque não há como definir exatamente o dia em que houve a fecundação, já que os espermatozoides sobrevivem por até 7 dias no corpo da mulher.

O cálculo é feito de maneira simples. Se, por exemplo, a última menstruação teve início no dia 5 de janeiro, o tempo de gravidez é calculado da seguinte forma:

  • Dia da última menstruação: 5 de janeiro
  • 6 de janeiro: primeiro dia da primeira semana de idade gestacional
  • 12 de janeiro: primeira semana de idade gestacional completa
  • 19 de janeiro: segunda semana de idade gestacional completa

O cálculo segue até chegar na data atual. Assim, a cada sete dias o bebê terá completado mais uma semana de vida.

Idade gestacional em meses

Quando perguntam à gestante quantos meses de gestação ela está, pode ser um pouco confuso responder de prontidão. Porém, apesar de usualmente o cálculo da idade gestacional ser feita em semanas, é possível converter para meses.

Como os meses apresentam uma quantidade de dias que varia entre 30 e 31 (fevereiro com 28 ou 29), o cálculo por semanas é mais preciso. Por esse motivo, os médicos optaram por calcular as semanas de gestação ao invés de meses.

Para fazer a conta, divide-se a quantidade de semanas por 4, da seguinte forma:

  • 1 mês: 1 a 4 semanas
  • 2 meses: 5 a 9 semanas
  • 3 meses: 10 a 13 semanas
  • 4 meses: 14 a 17 semanas
  • 5 meses: 18 a 22 semanas
  • 6 meses: 23 a 26 semanas
  • 7 meses: 27 a 31 semanas
  • 8 meses: 32 a 35 semanas
  • 9 meses: 36 a 40 semanas

Quando o bebê nasce antes de completar 37 semanas de gravidez, ele é prematuro. Se a gravidez passar de 41 semanas, pode ser necessário que o médico opte por realizar a indução do parto.

A idade gestacional pela última menstruação

O cálculo da idade gestacional feito levando em conta o dia da última menstruação pode gerar dúvidas em relação à idade do feto. O motivo para isso se deve ao fato de não ser possível identificar o dia em que houve a fecundação.

calcular idade gestacional pelo ultrassom

(Foto: Mommyasia)

Como o último dia da menstruação acontece cerca de 2 semanas antes da ovulação, pode existir uma diferença de até 2 semanas entre a idade gestacional e idade embriatória (idade real do feto contada a partir da fecundação).

Dessa forma, se o cálculo aponta que a gestação é de 6 semanas, por exemplo, a concepção provavelmente aconteceu há 4 semanas. Ou seja, a concepção se deu cerca de 14 dias depois do início da última menstruação.

Lembrando que a idade gestacional é calculada em períodos completos, em que o primeiro dia do cálculo (início da menstruação) corresponde ao dia “zero” e não dia “um”.

Idade gestacional corrigida

A idade gestacional corrigida é usada para ajustar a idade de um bebê nascido prematuro. Assim, é considerada a idade que ele teria se tivesse nascido de 40 semanas.

Vamos supor que um bebê nasceu com 29 semanas de gestação e tem 2 meses de vida.  A sua idade gestacional (29 semanas) é somada ao tempo de vida de 2 meses (8 semanas). Nesse caso, hoje ele estaria com 37 semanas de gestação.

idade gestacional corrigida

(Foto: Brown Pelican Society)

A idade corrigida é usada para que seja possível avaliar de maneira mais adequada o desenvolvimento do bebê. Isso porque o seu desenvolvimento motor, comportamental e intelectual geralmente é diferente de um bebê nascido com 40 semanas de gravidez.

O motivo é porque o bebê prematuro é, na verdade, como se fosse “mais novo” do que a sua idade cronológica. Assim, suas habilidades são adquiridas de acordo com a idade corrigida.

Esse cálculo deve ser mantido até que o bebê tenha cerca de 2 anos de idade. Dessa forma, o pediatra pode ter uma expectativa real do seu desenvolvimento, sem que o bebê seja submetido a padrões de referência como se tivesse nascido com 40 semanas.

Calcular a idade gestacional é fundamental para que a gravidez seja acompanhada com mais cuidado. Caso seja necessário, ela poderá ser calculada com base no exame de ultrassom.