Fase lútea – Como calcular

O ciclo menstrual é dividido em 3 fases, sendo a fase lútea a última delas.

Ela tem relação com o período fértil e o seu desenvolvimento é transformado quando ocorre a fecundação do óvulo.

Entenda mais a respeito e como fazer para calcular essa fase.

O que é fase lútea?

A fase lútea, ou fase luteínica, nada mais é do que a última fase do ciclo menstrual, que vem após a fase folicular e ovulação. A fase lútea começa no dia da ovulação e termina no dia anterior à próxima menstruação.

fase folicular

Durante o período fértil da mulher, o óvulo é liberado para que ele possa ser fecundado e assim tem início a fase lútea. (Foto: Reproducción Asistida)

Com a liberação do óvulo, o corpo lúteo começa a ser formado, quando o folículo se enche de sangue. Essa fase dura, em geral, entre 10 a 16 dias. Após esse período, ocorre a degradação do corpo lúteo, exceto quando há fertilização.

Quando não há fecundação do óvulo, a fase lútea é caracterizada pela tensão pré-menstrual, onde acontecem alterações no humor, irritabilidade, aumento da sensibilidade, entre outros sintomas.

Quando ocorre a fecundação, um tecido amarelado é formado no útero, que produz uma quantidade grande do hormônio progesterona. Esse hormônio tem como finalidade preparar o endométrio e alimentar o óvulo fecundado até a formação da placenta.  Em caso de gravidez, o corpo lúteo fica ativo durante 8 a 12 semanas, quando então dá lugar à placenta.

Fase lútea curta

fase lutea e gravidez

Foto: Clínica Bau

A fase lútea curta ocorre quando não há a produção de progesterona em quantidade ou por dias o suficiente, o que faz com que o período seja inferior a 10 dias. A baixa produção de progesterona torna mais difícil manter a gravidez, trazendo um risco alto de infertilidade ou de aborto espontâneo, pois o óvulo acaba sendo impedido de se implantar.

O diagnóstico da fase lútea curta é feito através da medição dos níveis de progesterona no sangue, que é extraído na semana após ocorrer a ovulação e uma semana antes da menstruação. Quando é diagnosticada essa alteração no ciclo menstrual e ovulação, é indicado um tratamento para que a mulher tenha mais chances de engravidar e manter a gestação.

Por isso, caso deseje engravidar e possui uma fase lútea menor do que o indicado, procure um médico e informe-se sobre o tratamento.

Como calcular a fase lútea?

fase ovulatoria

Foto: Garage du Vernay

Há mulheres que possuem o ciclo menstrual mais curto e outras mais longo. Aprenda seguir como fazer para calcular a sua fase lútea no caso de ciclos regulares e ciclos irregulares.

  1. Marque o primeiro dia da sua menstruação calendário e conte 14 dias após o dia marcado. O dia encontrado será o dia aproximado do momento em que você estará ovulando (baseado num ciclo de 28 dias).
  2. Conte 13 a 15 dias após a ovulação e poderá encontrar o seu ciclo luteal estimado.
  3. Caso o seu ciclo menstrual seja irregular, observe o seu ciclo menstrual por alguns meses, para que seja possível determinar o tempo médio entre eles. Encontrando a média, siga os passos 1 e 2 e encontrará o dia aproximado.
Fase lútea – Como calcular
2.5 (50%) 2 vote[s]

  • Adicione um comentário

    *