Search
Search
X

Cuidados especiais no fim da gestação  

 Muitas mamães gostam de dizer que a gravidez dura oito meses mais o infinito. Isso porque, além de compreensível ansiedade para chegada do bebê as últimas semanas da gestação são, certamente, as mais difíceis e delicadas.

É nesse momento que o bebê deixa de ser considerado prematuro e está pronto para nascer a qualquer momento. As contrações aumentam, dormir se torna cada vez mais difícil e o estômago parece não colaborar diante de tanta azia e refluxo.

Mas para que a hora do parto ocorra no momento certo e você consiga reduzir os transtornos desses dias que parecem não ter fim, confira essas valiosas dicas:

– A massagem pode ajudar muito a reduzir o incômodo do final da gestação. Mas preste atenção à experiência de quem as fará em você: algumas regiões não podem ser massageadas e o ideal é que você inicie as sessões após o final do primeiro trimestre de gestação.

– Evite alimentos gordurosos, que favorecem o surgimento de azias e queimações. Além disso, ao menos reduza o consumo de carnes, leite, iogurte e proteínas em geral, e lembre-se de se alimentar em intervalos pequenos, nunca ultrapassando as três horas entre cada refeição.

– Fique atenta às contrações: se elas aumentarem de frequência ou se tornarem mais doloridas, é possível que você esteja entrando em trabalho de parto. Na dúvida, converse com seu médico, ele poderá dizer que é o momento de ir para o hospital.

Foto: magnusbogucki

Foto: magnusbogucki

-Cuidado com os degraus: Durante a gravidez, e principalmente no final deste período, o centro de gravidade da mulher vai para frente, o que pode alterar o equilíbrio. Por isso evite subir ou descer escadas, e se for inevitável, faça isso pausadamente.

– Exercícios físicos são recomendados durante toda a gestação, mas é importante pisar no freio na reta final. Isso porque as atividades podem elevar o número de contrações, antecipando o trabalho de parto.



Leia maisLei do Acompanhante no parto – Veja os direitos da gestante

– Atenção ao ir ao banheiro: é preciso aprender a diferenciar a urina do rompimento da bolsa. Enquanto a urina tem seu cheiro e cor característicos e é possível controlá-la, o rompimento da bolsa ocorre numa velocidade maior e é impossível controlar. O nascimento do bebê deve ocorrer no máximo até seis horas após o rompimento, por conta do risco de uma infecção.

-Mas se o líquido for amarelado ou esverdeado, isso é sinal de que o bebê está em sofrimento, o que significa que ele deve nascer o mais rapidamente possível. Fale com seu médico e vá para o hospital imediatamente.

Cuidados especiais no fim da gestação  
Avalie esta matéria!






6 comentários em “Cuidados especiais no fim da gestação  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*