Chá de Boldo Aborta: mito ou verdade

Descubra se é mito ou verdade que o chá de boldo aborta, se faz mal para o bebê e como ele pode interferir na menstruação


A gravidez é uma fase da vida da mulher onde os cuidados com a alimentação devem ser redobrados, principalmente nos primeiros meses. E uma dúvida que costuma preocupar muitas gestantes é se o chá de boldo aborta ou não. Será que isso é verdade ou não passa de um mito?

Entenda como essa bebida atua no organismo e se o seu consumo pode trazer riscos para o desenvolvimento do bebê durante a gestação.

Além disso, descubra também o que fazer se tomou o chá sem saber que estava grávida, se ele realmente faz a menstruação descer mais rápido, entre outras importantes informações.

   

Chá de boldo aborta?

É comum ouvir falar nas propriedades benéficas das ervas usadas para o preparo de chás e como elas ajudam a manter a saúde do corpo em dia. Porém, há aquelas que não são recomendadas em algumas situações, como durante a gravidez, que é uma fase onde uma vida está sendo gerada e o corpo da mulher passa por mudanças constantes.

Apesar de não existirem estudos científicos suficientes sobre o consumo de todos os tipos de ervas permitidas ou contraindicadas para gestantes, o recomendado é que a ingestão de chás em geral seja feita com moderação.

Isso porque o feto em formação ainda é muito frágil e alguns tipos de substâncias podem causar sérios prejuízos em seu desenvolvimento.

Receba notícias do Gestação Bebê. É grátis!

messengerFacebook Messenger

Tudo sobre gravidez e filhos pelo chatbot do Gestação para o Facebook Messengergestação botao

No caso do chá de boldo, ele deve ser evitado por gestantes e lactantes, pois contém em sua composição substâncias que são reconhecidas como prejudiciais para a gravidez e que, inclusive, podem resultar em um aborto.

O motivo para isso é por conta da presença de uma substância chamada ascaridol, que é tóxica e pode trazer problemas para a saúde da mãe e do bebê.

Além disso, ingerir o chá de boldo em excesso faz com que a musculatura do útero acabe relaxando, o que pode fazer com que o feto não consiga se manter no útero.

Isso sem falar que a planta tem efeito teratogênico, o que significa que existe o risco de que o seu consumo provoque uma má formação no feto.

Para quem não abre mão de um bom chá, há alguns que são permitidos durante a gravidez, como é o caso do chá de camomila, capim-limão, erva-cidreira e erva-doce.

Chá de boldo faz a menstruação descer mais rápido

Esses chás apresentam propriedades calmantes para a mãe e para o bebê, além de melhorar a digestão. Isso sem falar que, no caso da erva-doce, ela ainda ajuda a aumentar a produção do leite materno.

No entanto, o indicado é tomar os chás mencionados acima ou qualquer outro chá apenas com a orientação de um médico ou de um nutricionista. Dessa forma, é possível conhecer melhor sobre suas propriedades e também a quantidade ideal a ser ingerida pela gestante.

Tomei chá de boldo na gravidez: o que fazer?

É possível acontecer de a mulher tomar chá de boldo antes de saber que está grávida ou até mesmo sabendo que está gestante, mas ingeriu a bebida sem ter o conhecimento dos riscos para o bebê.

Em primeiro lugar, não é preciso se desesperar por ter tomado o chá, principalmente quando foi consumido em baixa quantidade. Isso porque, apesar de existir o risco de aborto, não há ainda uma quantidade específica descrita pelos especialistas que possa vir a fazer mal para o bebê.

Cada organismo funciona de um jeito e age de maneira diferente com o consumo de determinadas substâncias. Porém, o recomendado é procurar um médico para que os exames necessários sejam feitos, principalmente se a gestante apresentar alguns sintomas como, tontura, febre, cólicas e sangramento.

Ao fazer os exames, além de verificar que a criança está bem, a mãe também poderá tirar as dúvidas sobre o consumo de determinadas bebidas durante a gravidez e amamentação.

Chá de boldo faz a menstruação descer mais rápido?

Outra dúvida entre as mulheres sobre o chá de boldo é se ele faz ou não a menstruação descer antes da hora. A verdade é que a menstruação realmente pode descer mais rápido por causa do consumo do chá de boldo.

Isso acontece porque ele age de forma a provocar um relaxamento do útero, fazendo com que o fluxo de sangue desça mais facilmente.

Aliás, esse é um dos motivos que levaram as mulheres a desconfiar que o chá de boldo aborta, levando pesquisadores a buscar respostas sobre quais componentes podem levar a isso.

chá de boldo aborta
(Foto: Dicas de Musculação)

Por sua ação de relaxar o útero, esse chá é indicado para minimizar a sensação de cólicas menstruais. Porém, por seu risco abortivo, ele não deve ser tomado por mulheres que estão com a menstruação atrasada e suspeitam que possam estar à espera de um bebê.

Se o consumo do chá de boldo for feito no caso de a mulher estar mesmo grávida, além do risco de aborto, ainda pode haver o risco de que o bebê nasça com problemas de má formação ou que a saúde da mulher seja comprometida.

Para que serve o chá de boldo?

Apesar do seu potencial abortivo e contraindicação para as gestantes e lactantes, o chá de boldo não é um completo vilão. Isso porque o seu consumo traz diversos benefícios para o corpo, atuando como um antioxidante, antibactericida e antifúngico.



Os componentes do boldo incluem substâncias que ajudam a melhorar a digestão, como é o caso da boldina, além da cânfora, limoneno e cumarina. Isso que faz com que ele seja considerado um dos chás mais conhecidos e consumidos para o tratamento de problemas digestivos, agindo de maneira rápida e muitas vezes eficaz.

Um exemplo das vantagens de beber chá de boldo é que ele apresenta um efeito de acelerar a queima de gordura.

A substância que dá sabor amargo ao boldo, conhecida como lactona, faz com que a digestão de gorduras seja potencializada. Além disso, ele também contribui para minimizar os efeitos do consumo exagerado de bebidas alcoólicas.

Por se tratar de uma bebida natural, o chá preparado com essa planta tem menos chances de causar efeitos colaterais do que um remédio artificial quando é usado com fins medicinais.

A seguir, apresentamos a lista que contém todos os benefícios principais do boldo:

  • Ajuda a tratar problemas estomacais como gastrite, diarreia, prisão de ventre, azia, gases e má digestão;
  • Contribui para a limpeza do sangue e para aliviar dores de cabeça e sintomas da gota;
  • Tem ação calmante e alivia sintomas relacionados a intolerâncias alimentares;
  • Ajuda a acelerar o metabolismo, contribuindo para o processo de emagrecimento;
  • Age no combate aos sintomas da ressaca e alivia os efeitos causados pelo consumo do álcool;
  • Melhora o funcionamento do fígado;
  • Combate a ação nociva dos radicais livres no organismo.

Mesmo com todos esses benefícios, é sempre bom ressaltar que qualquer chá, quando é consumido de maneira exagerada, pode trazer efeitos colaterais e prejudicar a saúde. Por isso, o indicado é sempre tomar moderadamente.

Como fazer?

A parte usada para o preparo do chá de boldo são as folhas, que podem ser usadas tanto frescas quanto secas (que permite uma maior capacidade de armazenamento).

para que serve o chá de boldo
(Foto: Dicas de Mulher)

Para que as suas propriedades sejam bem aproveitadas, é preciso que o preparo seja feito da maneira correta, o que é feito de forma simples.

Em primeiro lugar, é preciso ferver 1 xícara de água filtrada. Em seguida, acrescente uma colher de chá de folhas de boldo e tampe o recipiente por 10 minutos. Depois disso, basta coar a infusão e está pronto para beber. Se preferir, acrescente açúcar, adoçante ou mel.

Para que as propriedades do boldo sejam aproveitadas ao máximo, o recomendado é que as folhas secas sejam bem amassadas, até que fiquem completamente amassadas, para só então acrescentar a água quente.

Porém, é preciso lembrar que isso faz com que o chá fique com um gosto mais forte, o que pode não agradar ao paladar de todos.

Ele pode ser consumido quente, morno ou frio, o que vai depender do gosto de cada pessoa. Para quem não gosta do sabor amargo, o mais indicado é que ele seja ingerido ainda quente, já que isso ajuda a amenizar o sabor.

O chá pode ser bebido de duas a três vezes ao dia, sendo preferível que o consumo seja feito após as refeições. Uma dica para potencializar as propriedades do boldo e deixar o sabor mais interessante é acrescentar camomila ou canela no momento em que o chá está sendo preparado.

No caso de optar por secar as folhas, é importante lembrar que o processo de secagem deve ser realizado por meio de exposição intensa ao sol. Isso deve ser feito até que as folhas fiquem com um aspecto quebradiço.

O melhor lugar para armazenar as folhas é em potes de vidro, para conservar as propriedades e evitar contaminação.

Como foi explicado, é possível afirmar que o chá de boldo aborta. Porém, isso tem maiores chances de acontecer quando ele é ingerido de maneira exagerada durante a gravidez.

Mesmo se tratando de um produto natural, o recomendado é a gestante evitar tomar esse chá, pois mesmo que não resulte em um aborto, pode prejudicar a saúde do bebê.

Referências

tudoela.com/cha-de-boldo

tratamentocaseiro.net/boldo

trocandofraldas.com.br/boldo

chabeneficios.com.br/cha-boldo-aborta

derepentegravida.com.br/cha-de-boldo-aborta

Chá de Boldo Aborta: mito ou verdade
Avalie esta matéria!

- Publicidade -

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*