Ser mãe e pai ao mesmo tempo

Ser mãe e pai ao mesmo tempo, consigo?

Toda criança tem direito a ter um pai em sua vida, mas, e quando essa possibilidade torna-se impossível, e a mãe se vê obrigada a assumir também o papel masculino?

É possível que uma mulher exerça o papel de pai? Sim, é possível, mas a mãe pode vir a se sentir sobrecarregada diante do acúmulo de funções.

Dividir as responsabilidades é sempre melhor, mas, se depois de várias tentativas o genitor não dá sinais de que estará presente na vida do filho, é importante se preparar para assumir os dois papéis.

 A mãe nunca será capaz de substituir totalmente a figura paterna, mas é possível aplacar esta ausência fazendo algumas atividades mais masculinas, como frequentar estádios, por exemplo.

O desafio de ser pai e mãe ao mesmo tempo

Em muitas famílias quem faz o papel de pai são os avôs, ou tios, ou um padrasto, quando a mãe acaba casando de novo. Foto: Life

E dessa forma, a criança acaba tendo um círculo social bem forte ao redor dela.

Por isso, saiba que o papel de mãe solo é exercido com maestria em diversas famílias.

Muitas mulheres passam por isso, e o filho acaba recebendo doses extras de carinho e amor, para compensar a ausência paterna.

Mãe e pai ao mesmo tempo, será que eu aguento este desafio?

Sim! Você vai superar este desafio, mas não espere que seja fácil, pois a maternidade já é desafiadora mesmo entre pessoas casadas, e entre quem não tem um parceiro exige mais resistência ainda.

Ser mãe e pai ao mesmo tempo

Foto: Parentmap

É melhor que o pai esteja ausente do que presente e indiferente a presença do filho. É o que acontece em algumas famílias, em que o genitor está sempre cansado demais para brincar com as crianças ou ajudar a esposa nas tarefas domésticas.

É claro que essa ausência fará diferença, principalmente quando a criança estiver doente, em que você fará o papel principal de cuidar, comprar remédios, mimar, levar para o hospital, etc.

Você também não terá alguém que te substitua naquele evento do seu filho, e também não poderá mandar o parceiro quando seu filho tiver problemas na escola, portanto, conte com mais faltas ao trabalho.

Além disso, não poderá intimidar os filhos dizendo que o pai vai brigar com eles mais tarde, porque todas as tarefas vão girar em torno de você.

Todas as funções são suas, principalmente dar carinho, dar bronca, planejar as atividades, fazer dever de casa, etc.

É natural que se sinta perdida algumas vezes, afinal, dá muito trabalho cuidar de emprego, filho e tarefas domésticas sozinha, por isso, tenha alguns contatos para emergências, alguns amigos ou familiares nos quais possa confiar.

Leia mais: Trabalhar fora ou cuidar dos filhos?

Mães que criam os filhos sozinhas

Foto: Aufeminin

Será que eu consigo sustentar minha casa sozinha?

Este é um dos principais questionamentos das mães que se encontram na situação de pães (pais e mães).

Por lei o homem é obrigado a, pelo menos, pagar pensão alimentícia ao filho, estando sujeito à prisão caso não o faça.

Mas muitas mães, por uma série de motivos, não tem essa pensão alimentícia, e são obrigadas a sustentar a casa sozinhas.

Muitas acabam tendo mais de um emprego, o que acaba sendo uma sobrecarga de trabalho imensa, pois, além disso, ainda tem que tomar conta do bebê e fazer as tarefas domésticas.

O ideal, nessa situação, é tentar reduzir ao máximo os gastos desnecessários, para que não seja necessário arranjar outro trabalho.

Ser pãe é, portanto, um dos maiores desafios pelos quais uma mulher pode passar, pois demanda uma enorme dedicação aos filhos, inclusive abrindo mão de sua própria felicidade em alguns momentos.


  • Add Your Comment

    *