Search
Search
X

Estomatite Infantil: Sintomas e Tratamento

Apesar de ser uma doença comum entre os bebês, é preciso tomar alguns cuidados quando se identificar a estomatite infantil, entenda:

Aprenda a seguir a identificar quais são os sintomas da estomatite infantil e como é feito o tratamento médico e caseiro.

O que é estomatite infantil?

Trata-se de uma doença comum em bebês e crianças, provocada por uma infecção viral que atinge a cavidade bucal, causando dolorosas lesões (mais conhecidas como aftas).

Essas aftas são esbranquiçadas na maioria das vezes e, apesar de se assemelharem às aftas comuns, aparecem em maior quantidade. As placas lesionadas são desconfortáveis e doloridas, causando o choro em bebês e a recusa de alimentos, já que o contato com as lesões provoca dor.

estomatite infantil tratamento caseiro

A maior parte dos casos de estomatite infantil não afeta apenas a região da boca, mas também pode atingir a garganta e o esôfago. (Cure-Naturali)

A ocorrência é maior nas épocas mais frias do ano e fatores como aglomeração e ambientes fechados (como na escolinha, por exemplo) aumentam as chances de proliferação do vírus causador da doença.

Sintomas

Um dos primeiros sintomas da estomatite infantil pode ser febre alta por mais de 3 dias. Outros sintomas comuns são:

  • -Feridas na parte externa da bochecha
  • -Irritabilidade
  • -Dificuldade de engolir
  • -Choro persistente
  • -Falta de apetite
  • -Feridas na boca (às vezes com pus)

 Como tratar

O tratamento é feito com o uso de analgésicos para aliviar a dor e a febre. O uso de medicamentos ajuda a melhorar a ingestão de alimentos e líquidos pela criança.

A crise dura entre uma semana a dez dias, tornando-se mais branda com o passar do tempo. Se o quadro persistir além de 20 dias e preciso levar ao médico para avaliar se há outros vírus ou bactérias.

estomatite tratamento nistatina

Foto: Pormibebe

Alimentação adequada para ajudar no tratamento

Prefira oferecer alimentos pastosos à criança, como purês, sopas ou frutas amassadas. Para ajudar a aliviar a dor, o recomendado são alimentos gelados, como sorvete, iogurte ou suco que não sejam cítricos.

Evite alimentos muito temperados, quentes ou que sejam ácidos, pois isso vai agredir mais a mucosa.

Tratamento caseiro para estomatite infantil

Um dos tratamentos caseiros é feito com uma solução à base de carqueja. Para preparar, coloque 60 gramas de carqueja em um litro de água. Após 15 minutos, dê para a criança fazer bochechos.

O cravo da índia possui propriedades bactericidas, além de efeito antisséptico e anestésico. Para usufruir desses benefícios, basta mascar o cravo algumas vezes ao dia.

Outra dica é usar fermento lácteo com própolis que, ao serem misturados, deve ser aplicado sobre a lesão para aliviar a dor e acelerar o processo de cicatrização.



Mas atenção: esses tratamentos devem ser feitos apenas em crianças maiores e nunca em bebês.

 

Estomatite é contagioso?

O contágio ocorre através da troca de secreções, contato pele a pele ou colocar a mão contaminada na boca. Por esse motivo, é mais comum entre crianças entre 1 e 5 anos, principalmente quando ingressam nas creches ou escolinhas, passando a ter muita proximidade com seus coleguinhas.

Para ajudar a prevenir é necessário evitar o contato com crianças contaminadas e manter os hábitos de higiene, como lavar sempre as mãos com água e sabão.

Se o seu filho estiver com estomatite infantil, ele não deve ser mandado para a escola, para evitar o contágio em outras crianças.

Estomatite herpética infantil

estomatite herpética

Foto: Exploringyourmind

A estomatite herpética infantil é causada por um outro vírus e resulta no aparecimento de manchas avermelhadas na superfície da mucosa da boca e também da garganta, podendo provocar sangramentos facilmente.

Elas costumam ser confundidas com aftas comum no princípio, mas podem aumentar de tamanho e se ligarem umas às outras quando se rompem e são muito dolorosas.

Estomatite aftosa

A estomatite aftosa é mais comum a partir dos 6 anos de idade, mas também ocorre em crianças menores. Ao contrário da estomatite, não é contagiosa e desaparece sozinha entre uma a duas semanas.

O sintoma principal é o surgimento de uma ferida dolorosa dentro da boca e o tratamento é feito com o uso de pomadas, medicamentos e enxágues bocais.

Estomatite Infantil: Sintomas e Tratamento
3 (60%) 1 vote






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*