Viajando de avião com o bebê: principais cuidados

You are currently viewing Viajando de avião com o bebê: principais cuidados

As férias de verão chegaram, bem como as celebrações de final de ano, e muitas famílias planejam viajar para curtir e aproveitar estes momentos. Mas, como pegar um avião com o bebê? Existe alguma restrição?

Qual a idade indicada?

Os médicos recomendam que os bebês só viajem de avião após completarem dois meses. Quando atingem esta idade, os pequenos já receberam diversas vacinas que vão protegê-los. Já as companhias aéreas possuem critérios diferentes e que variam de uma para a outra. De maneira geral eles permitem crianças com a partir de sete dias de vida, mas vale confirmar antes.

Se precisar viajar com o bebê antes que ele seja vacinado, evite o contato dele com adultos.

 Leia ainda: Como escolher a bolsa do bebê

Dicas e cuidados importantes para a viagem

  • A mudança de pressão da viagem pode causar dores durante e infecções depois. Para evitar isso, a dica é limpar o nariz do bebê com soro fisiológico, o que descongestiona e evita que possíveis secreções saiam do nariz e cheguem à garganta;
  • Remédios não costumam ser permitidos na bagagem de mão, então consulte o médico do bebê e peça que ele faça uma receita contendo tudo o que ele vai precisar. Leve os remédios em suas embalagens originais para facilitar conferências;
  • Alguns bebês, assim como adultos, sentem náuseas e enjôos, e isso pode ser evitado ministrando-se um antiemérito 30 minutos antes da viagem;
  • A ANAC permite que as mães levem mamadeiras e papinhas industrializadas para o bebê ingerir durante a viagem, mas a regra é levar na bagagem de mão apenas o necessário;
  • Confira, antes de viajar, as vacinas exigidas pelo seu destino e veja quais seu bebê já pode tomar;
  • Amamente o bebê logo no início da viagem, assim ele vai dormir tranquilo.

 

 

Equipe Gestação Bebê

A equipe de redatores do Gestação Bebê é formada por jornalistas e profissionais convidados de diversas áreas, como pediatria e psicologia.

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta