Posições certas para o sono do bebê

O momento do sono é muito importante para os bebês, que nos primeiros meses dormem cerca de 16 horas por dia. Eles recuperam as energias para o próximo dia.

É fundamental que a hora de dormir receba os cuidados necessários, uma vez que a posição correta do bebê evita acidentes e diminui os riscos fatalidades.

Qual a melhor posição para o bebê dormir?

Este tema já foi alvo de diversas pesquisas, que revelaram que a melhor posição para o bebê dormir é com a barriga para cima. Os bebês costumam movimentar-se muito pouco durante a noite, assim, devem ser colocados no berço com o abdômen voltado para cima.

A posição deve inclusive ser seguida por bebês que sofrem de refluxo, e evita dificuldades respiratórias durante o sono, diminuindo o risco de acidentes e morte súbita.

A pediatra Magda Lahorgue Nunes, do Núcleo de Estudos Sobre Sono da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), apontou que pesquisas comprovam que bebês que dormem de barriga para cima têm 70% menos chance de morte súbita, uma das principais causas de mortes de crianças menores de um ano. De acordo com a especialista, a maioria dos pediatras orienta os pais a colocarem o bebê para dormir de lado, porém a posição lateral não protege da morte súbita. Ela explica que não é que os pediatras estejam orientando errado, mas é que a sociedade de pediatria não havia tomado uma posição em relação ao tema antes.

Leia ainda: Melhores cosméticos para usar na gestação

Confira na  foto a posição correta para o bebê dormir (foto: divulgação)

Confira na foto a posição correta para o bebê dormir (foto: divulgação)

O que é morte súbita e quais suas causas?

A morte súbita caracteriza-se por ocorrer durante o sono de forma inesperada, sem qualquer indicativo de problema de saúde. As principais causas desta fatalidade são: posição de dormir, exposição ao fumo durante a gravidez e após o nascimento, consumo de álcool e drogas durante e após a gestação, falta de aleitamento materno, uso de colchões e travesseiros muito moles ou fofos e prematuridade ou baixo peso ao nascer.