Menstruação após a gestação: quando volta?

You are currently viewing Menstruação após a gestação: quando volta?
Foto: muitochique.

A ausência de menstruação é, geralmente, o primeiro sinal de gravidez. Quando confirmada a gestação, a menstruação ficará ausente pelos próximos nove meses, pelo menos. É que a gravidez mexe mais com o corpo feminino do que a mulher pode imaginar. E, após o parto, a menstruação pode demorar um pouquinho a se normalizar. Veja:

Sangramento pós-parto

Depois do nascimento do bebê, é bastante normal que a mulher tenha um sangramento que vai durar por cerca de 40 dias. Não se trata de menstruação, e sim do corpo feminino eliminando o material que envolveu o útero durante a gestação. O fluxo de sangue pode ser mais intenso do que o da menstruação, mas não é necessariamente regular, podendo variar bastante.

Enquanto durar este sangramento pode não haver ovulação.

Leia ainda: Dicas para incluir o pai no álbum do bebê

Foto: muitochique.
Foto: muitochique.

O recomeço da ovulação

Mesmo depois do fim do sangramento pós-parto, a mulher pode ficar alguns meses sem menstruar – até nove meses! É que durante o período de amamentação do bebê, os hormônios produzidos podem inibir a ovulação. No entanto, fique atenta, pois isso pode variar de mulher para mulher e não é impossível engravidar nos meses seguintes ao parto.

Conforme o bebê vai diminuindo as mamadas, a ovulação feminina pode voltar. Isso ocorre principalmente quando o leite materno não é mais a fonte exclusiva de amamentação do bebê. Portanto, as chances de que a ovulação retorne quando o bebê completar seis meses é grande. Afinal , é com essa idade que a dieta da criança começa a variar o cardápio e a ingerir frutas, papinhas, sucos.

As primeiras menstruações depois do nascimento do bebê

Quando a menstruação volta, é normal que o fluxo seja bastante intenso nos primeiros meses. Mas, não se preocupe: aos poucos tudo vai voltando a ser como antes.

Equipe Gestação Bebê

A equipe de redatores do Gestação Bebê é formada por jornalistas e profissionais convidados de diversas áreas, como pediatria e psicologia.

Deixe um comentário