Leite de fórmula dá mais cólica no bebê?

O leite materno é o alimento perfeito para os bebês. No entanto, quando ele não pode ser oferecido, a solução é optar pela fórmula. Elas são alimentos completos e não prejudicam em nada o desenvolvimento do bebê. Mas, será que provocam mais cólica do que o normal? Veja a seguir algumas informações importantes sobre as fórmulas:

As fórmulas dão mais cólica no bebê?

Infelizmente, as fórmulas podem deixar o bebê com mais cólica. Isso é normal mas não é uma regra, e tende a acabar depois um tempo, quando o bebê se acostumar totalmente com a substituição do leite materno. O que ocorre é que, por mais que as fórmulas sejam completas e bastante parecidas com o leite materno, a digestão das mesmas ainda não é idêntica à digestão do leite produzido pela mulher. Sendo assim, podem surgir cólicas. A mamãe vai observar ainda que as fezes do bebê estarão mais consistentes do que quando ele era alimentado com leite materno.

Foto: Dicas de alimentos que aumentam a fertilidade

Foto: images.minhavida.

Foto: images.minhavida.

Na impossibilidade do leite materno, fórmula

Existem diversos tipos de fórmula, uma para cada fase especifica do desenvolvimento do bebê, com composição para atender a suas diferentes necessidades. Por isso, antes de substituir o leite materno, a mãe deve procurar o médico do bebê para verificar qual é a mais indicada.

Tipos de fórmulas

– Fórmulas para recém-nascidos: existem fórmulas para recém-nascidos. Elas são de fácil digestão e possuem nutrientes balanceados para esta fase.

– Bebês com até seis meses: as fórmulas de partida são feitas para crianças saudáveis com idade de até seis meses.

– Para bebês com mais de seis meses: estas fórmulas diferem das anteriores principalmente no que se refere à quantidade de ferro, que aqui é superior.

– Outras fórmulas: existem ainda fórmulas sem lactose e fórmulas hipoalergênicas.