É normal não engordar durante a gravidez?

Falar de peso para algumas mulheres não é tarefa fácil. Então, imagina tratar deste assunto durante a gravidez?

Afinal, não engordar na gestação é normal?

Não engordar na gravidez é normal até certo ponto. No primeiro trimestre algumas grávidas podem não engordar ou ganhar menos peso do que o recomendado, mas não é preciso se preocupar. Isto não causa qualquer tipo de problema.

Leia mais: Como combater o inchaço na gestação

A orientação é que a mulher tente, apesar das variações hormonais serem as responsáveis pelos enjoos, manter uma alimentação equilibrada. Assim, ela não perde qualidade nutricional alimentar e não compromete de forma alguma o desenvolvimento do bebê. Entretanto, o ganho de peso acabará acontecendo ao longo do crescimento do seu bebê. Umas podem aumentar mais e outras menos.

Foto: Similac

Foto: Similac

Foto: Ogpnews

Foto: Ogpnews

Muitas mulheres emagrecem nos primeiros meses devido aos enjoos, pois pode haver falta de apetite. O sinal de alerta, no entanto, é uma mudança de peso repentina e drástica, algo como ganhar ou perder 5 quilos em uma semana, por exemplo. Nesse caso, procure seu obstetra imediatamente, porque pode ser sinal de outros problemas.

Não é incomum que mulheres que estavam acima do peso antes de engravidar percam quilos durante a gestação ou tenham um ganho de peso bem menor que outras gestantes. Às vezes a gestante pode emagrecer no primeiro trimestre, e o peso voltar aos poucos nos dois seguintes. Contanto que você se alimente de forma saudável, não deve haver nenhum risco para o bebê.

Para que serve o ganho de peso extra?

Parte do ganho de peso na gravidez serve para que o corpo tenha reservas de energia, na forma de gordura, necessária durante o trabalho de parto e a fase da amamentação. Portanto, é natural que a mulher engorde na gravidez. Mas não se arrisque! Mulheres grávidas não devem fazer dieta sem um acompanhamento médico específico, porque os bebês, assim como as mamães, precisam de uma série de nutrientes para crescer saudáveis. Seja consciente.

Minha experiência

No meu primeiro filho, parei de contar o ganho de peso quando atingi 33 quilos acima do peso antigo, 25 quilos na segunda e 12 quilos no último. É um estica e puxa drástico na pele da mulher. Por isso, faço um alerta às futuras mamães quanto ao ganho de peso: cuidem-se!

É importante saber quanto você pesava antes de engravidar e acompanhar semanalmente seu ganho de peso para manter saudável sua saúde e a do seu bebê. Assim, quando ele nascer, você conseguirá recuperar mais rapidamente a antiga forma.

 

Autora: Bruna Almeida