Como tratar de gripes e resfriados na gestação

Durante a gestação, a mulher pode não escapar de pegar uma gripe ou resfriado, e os terríveis sintomas – febre, dor de cabeça, dor no corpo, calafrios, cansaço e perda de apetite – certamente vão aparecer também. Como a futura mãe está carregando seu bebê, que precisa dela para continuar crescendo e se desenvolvendo, é bom que ela se recupere logo. Para isso, veja quais as recomendações:

 Leia ainda: Dicas para aliviar o calor durante a gestação

Recomendações para a gestante durante gripes e resfriados

  • Hidrate-se: é necessário ingerir bastante líquido, principalmente se estiver também com febre, para evitar desidratação. Água, suco de laranja (rico em vitamina C), chás.
  • Dieta leve e nutritiva: você pode acabar perdendo o apetite, mas tente comer alimentos saudáveis como frutas, verduras, legumes, leite e pão integral. As vitaminas e minerais são decisivos para a recuperação.
  • Nariz entupido: faça inalação com soro fisiológico ou tente outra alternativa caseira. Em uma bacia, coloque água quente e acrescente duas ou três gotas de óleo de eucalipto ou de menta e, com uma toalha cobrindo a cabeça, aproxime o nariz da solução para inalar o vapor.
  • Dor de garganta: para dor de garganta e tosse, beba chá com mel e limão. Para a infecção na garganta outra dica é fazer gargarejos com água morna e vinagre.
  • Descanse bastante: o descanso é fundamental para a recuperação. Não volte ao trabalho antes de estar completamente curada.

A gripe da mãe afeta o bebê?

Mesmo que a mãe esteja bastante gripada, o bebê não sentirá qualquer sintoma, pois está protegido de qualquer vírus dentro do útero. No entanto, se você sentir febre é necessário procurar um médico para avaliar o quadro e receitar remédios seguros.

Saiba também que se você precisar tomar algum antibiótico, não o faça por conta própria, sempre consulte um médico, já que alguns podem prejudicar o bebê.