Como dar banho no bebê em dias frios

Se os adultos já sofrem ao tomar banho em dias mais frios, imagine os bebês, que são tão pequenos e frágeis! Pois é, durante as épocas de temperaturas mais baixas os pais precisam aumentar os cuidados com os pequenos, inclusive durante o banho. Veja a seguir algumas dicas para manter seu bebê saudável, protegido e limpinho:

 Leia ainda: Nomes de bebês mais usados no Brasil

Cuidados importantes no frio

  • Durante o frio, o bebê fica mais vulnerável e problemas como viroses, gripes, resfriados, inflamações de garganta. Para evitar tudo isso, o momento do banho deve ser mais rápido do que o normal, para que o pequeno não fique exposto ao vento ou ao frio;
  • Os banhos precisam ser mais rápidos. Isso não quer dizer lavar o bebê de maneira inadequada ou ineficiente para sua higiene, mas retire os brinquedos da banheira para evitar prolongamentos;
  • Diminua a quantidade de banhos e dê apenas um por dia. Prefira o final da tarde para fazer isso, além de menos frio, seu bebê vai ficar relaxado para dormir;
Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação.
  •  Se você lavar os cabelos do bebê, seque-os com um secador para evitar que o bebê pegue friagem. Caso preferir, lave apenas a cabeça em outro período, em uma pia;
  • A temperatura está baixa, mas você não deve compensar isso aumentando a temperatura da água, o que pode provocar queimaduras no bebê. Para saber se a temperatura está agradável, coloque seu cotovelo para sentir. Outra alternativa são os termômetros próprios para banheiras;
  • Não utilize muito sabonete no frio, já que ele pode causar o ressecamento da pele. Passe o produto apenas nas dobras e órgãos genitais;
  • Prefira os sabonetes neutros para banhar o bebê. Depois do banho, utilize hidratantes próprios para crianças – muitos são à base de água;
  • Antes de começar o banho, certifique-se de que as janelas estão fechadas e que não corrente de vento entrando por uma porta esquecida, por exemplo.

 

 

Equipe Gestação Bebê

A equipe de redatores do Gestação Bebê é formada por jornalistas e profissionais convidados de diversas áreas, como pediatria e psicologia.

Deixe um comentário