Técnicas de respiração para gestante

Depois de um dia agitado e cheio de tarefas, é compreensível que a gestante chegue em casa tensa, estressada e cansada. Como a respiração pode contribuir para mudar esse cenário? Ela é capaz de ajudar a relaxar e de reequilibrar as energias. Veja a seguir mais detalhes:

Exercícios respiratórios

Antes de praticar os exercícios respiratórios, é necessário criar um ambiente favorável. Veja o que você deve fazer:

  • não coma antes de realizar os exercícios;

  • se tiver praticado alguma atividade física, espere pelo menos duas horas para começar os exercícios;

  • dê preferência para realizar os exercícios respiratórios pela manhã;

  • pratique em local limpo e arejado;

  • se você tiver pressão alta, não retenha o ar;

  • se sentir qualquer mal estar, volte a respirar normalmente.

Leia ainda: Quando o bebê pode comer peixe?

A posição adequada

Sente no chão, de pernas cruzadas – com os joelhos sobre os pés. Os joelhos não devem estar mais altos que o quadril. Se isso acontecer, sente sobre uma almofada. Se não estiver se sentindo confortável, sente em uma cadeira, espace as pernas e apóie os pés no chão – se não der, coloque sobre livros, por exemplo.

A coluna deve ficar alongada, bem como o abdomem. Os ombros abertos- o diafragma deve estar livre e com espaço para a respiração. Abaixe a cabeça e deixe o queixo apoiado sobre o peito.

Surya Bhedana

Neste tipo de exercício, respire apenas pela narina direita e expire pela narina esquerda. Utilize os dedos para bloquear as narinas.

Foto: Divulgação.

Foto: Divulgação.

Chandra Bhedana Pranayama

Aqui, as inspirações devem ser feitas pela narina esquerda e as expirações pela narina direita.

Outros benefícios

Outros benefícios dos exercícios respiratórios são o aumento do poder da digestão, a limpeza dos seios nasais e a calma dos nervos.