O que não se deve comer quando amamenta?

Você se preocupou ao longo dos nove meses com tudo o que fazia e comia enquanto o bebê se desenvolvia e crescia em seu ventre. Pois bem, saiba que após o nascimento do seu bebê, esses cuidados não podem ser deixados de lado.

Com a amamentação, outras providências nutricionais também devem fazer parte do seu cardápio.

E você, sabe o que não deve comer enquanto amamenta? Vamos conferir essa lista e entender os motivos.

Foto: Lipolondon

Foto: Lipolondon

Refeições regulares

Primeiramente, você jamais deve passar longo tempo sem se alimentar. Tanto você quanto o bebê precisam de uma alimentação regular e nutritiva. Se estiver pensando no peso, consulte um nutricionista e veja o que deve evitar (principalmente açúcares e gorduras) e o que deve priorizar nas refeições, combinado?

Café

Foto: Interscope-productions

Foto: Interscope-productions

É compreensível que a falta de sono pode deixá-la mal-humorada, mas saiba que tudo o que você consome acaba indo para o corpo do seu filho(a), e o organismo do bebê ainda não está pronto para processar grande quantidade de cafeína. Depois, quando ele fica maiorzinho e seus órgãos estiverem mais amadurecidos, a mãe pode tomar com maior segurança cerca de 300 miligramas por dia.

Um cafezinho de vez em quando fará mal ao bebê? Não. Desde que consumido em pequena quantidade, no máximo 1 vez ao dia, não prejudicará a saúde do seu bebê.

Peixes?

Foto: Bucatarie-orientala

Foto: Bucatarie-orientala

Peixes grandes como tubarão, peixe-espada, cavala, pirá / garoupa são ricos em mercúrio. Mulheres que pretendem engravidar e gestantes devem evitar esses tipos de peixe, segundo especialistas, pois é comprovando que alta concentração desse metal no organismo pode ser prejudicial ao desenvolvimento do sistema nervoso e do cérebro do bebê. O atum entra nessa lista, mas de forma mais moderada, apenas como recomendação de que se coma com menor frequencia.

Mas, e na amamentação? Alguns especialistas recomendam que seja mantida essa recomendação de não comer essas espécies também durante a amamentação.

Chocolates!

Foto: Janispowers

Foto: Janispowers

Sim, é recomendado que você evite comer chocolates, principalmente nos primeiros meses, porque ele pode dar  diarreia em seu bebê (saiba como tratar a diarreia do seu bebê).

Os compostos do chocolate são laxantes e isso não será bom para seu filhote. Além disso, alguns bebês são alérgicos aos ingredientes contidos neles. É bom ficar atenta.

Queijos, cremes e alimentos à base do leite

Foto: Venterpharma

Foto: Venterpharma

Se seu bebê demonstra ter problemas de alergias e se tiver problemas como eczema e outros problemas na pele, é bom evitar queijos e produtos lácteos. Muitas crianças adoecem porque o organismo não aceita certos tipos de alimentos.

Álcool

Foto: Mfbea.org

Foto: Mfbea.org

Este também deve ser evitado a todo custo! Esse tipo de bebida demora em torno de 1-2 horas para ser metabolizada e além de ir para a corrente sanguínea, também vai para o leite materno, prejudicando assim a saúde de seu bebê. (leia mais sobre a importância do leite materno).

Frutas altamente cítricas

Frutas: Appleortho

Frutas: Appleortho

Apesar de frutas serem muito recomendadas, é preciso entender que algumas podem causar algum desconforto ao bebê. É o caso de frutas cítricas como limão, morango, tangerina, kiwi e laranja, por exemplo. Por serem muito ácidos, podem irritar o estômago da criança, provocar vômitos, diarreia, irritação na pele e causar cólicas. O melão, a maçã, a banana, a pera, o mamão e o figo são boas opções.