Meu bebê teve alergia à fralda descartável, o que fazer?

You are currently viewing Meu bebê teve alergia à fralda descartável, o que fazer?

As fraldas descartáveis vieram para facilitar a vida das mães e aumentar o conforto dos bebês, certo? Porém, o que fazer quando o bebê desenvolve alergia à fralda descartável? Existe alternativa? Veja a seguir:

Alternativa à fralda descartável

Sim, existe alternativa, e a principal é a antiga e tradicional fralda de pano.

Fraldas descartável: benefícios e desvantagens

As fraldas descartáveis são mais práticas, e permitem que o bebê fique mais tempo sequinho, o que muitas vezes significa mais horas de sono – para pais e filho – e também mais conforto para o bebê.

Elas são vendidas em diversos tamanhos por diversas marcas e são fáceis de colocar. Após o uso, vão direto para o lixo. As desvantagens é que são mais caras, poluem o meio ambiente e podem causar alergias no bebê mais facilmente.

A fralda de pano também tem prós e contras

As fraldas de pano precisam ser lavadas todas as vezes que retiradas do bebê. As trocas também são mais frequentes, já que elas não conseguem manter o bebê sequinho por muito tempo.

Os bebês usam de 10 a 12 fraldas todos os dias – faça chuva ou sol –, então é preciso fazer um estoque para não deixar faltar. As vantagens: são mais baratas, não prejudicam o meio ambiente e causam menos alergia, pois não contêm substâncias químicas.

Qual escolher?

O mais importante é prezar pela saúde, bem-estar e conforto do bebê, portanto se ele desenvolver alergia à fralda descartável, a de pano é a melhor alternativa.

Importância da toca

A troca de fraldas é muito importante para a saúde do bebê, e deve ser feita constantemente. Os pais devem ficar de olho, e ao sinal de que ela está suja, devem realizar a substituição e higienização do pequeno.

Equipe Gestação Bebê

A equipe de redatores do Gestação Bebê é formada por jornalistas e profissionais convidados de diversas áreas, como pediatria e psicologia.

Deixe uma resposta