É normal sangrar no início da gravidez?

Nosso tira-dúvidas de hoje é sobre o começo da gestação. Perguntamos ao especialista: é normal sangrar no início da gravidez?

Várias mudanças surgem no corpo da mulher no início da gravidez, e o sangramento é um dos que mais preocupam as futuras mamães.

Cada detalhe da gravidez é importante para os pais, assim como cada mudança física pode trazer desconforto e inseguranças. Sangramentos na gravidez normalmente são considerados como indicação de algo grave, causando medos e receios quanto à saúde e à manutenção da gestação.

Mas, na verdade, é comum a ocorrência de pequenos sangramentos de escape nos primeiros meses. Mesmo assim, cada caso deve ser observado por um especialista para se descartar a possibilidade de algo grave.

Nos primeiros três meses de gestação, pequenos sangramentos chamados de “sangramento de escape” podem ocorrer e normalmente não significam qualquer problema.

Esses escapes muitas vezes são de aspecto amarronzado, como um final de menstruação. O importante é entrar em contato com seu médico para que o caso seja analisado, mesmo que ocorra sem dor.

Foto: Sirkelimon

Foto: Sirkelimon

É normal sangrar no início da gravidez?

O que pode causar esses sangramentos?

De acordo com o Dr. Alberto Guimarães, obstetra e criador do Programa Parto Sem Medo, esse sangramento, em pequena quantidade, pode ser decorrente do processo de nidação, que consiste na implantação do óvulo na camada uterina, após a fecundação nas trompas, e que pode causar o rompimento de alguns vasos sanguíneos.

Outros motivos podem causar os sangramentos de escape como a relação sexual, alguma infecção ou um procedimento de ultrassom transvaginal, por exemplo.

Outros podem ser mais graves como o risco de um aborto espontâneo ou de descolamento da placenta.  Por isso, todos os casos, por mais simples que pareçam, devem ser comunicados ao médico.

Sangramentos em estágios avançados da gestação devem ser considerados com mais atenção por também poder significar um parto prematuro.

Esses sangramentos podem indicar algo grave?

“O material que vai formar a placenta corrói a parede do útero e isso pode levar a um pequeno hematoma, que é um pequeno descolamento desse ovo, e inclusive levar a pequenos sangramentos.

Claro que se esse sangramento vir acompanhado de cólica forte ou de um volume aumentado com coágulos pode indicar uma situação mais grave, até mesmo à perda dessa gestação, um abortamento”, explica o Alberto Guimarães.

Foto: Sirkelimon

Foto: Sirkelimon

É importante saber que no início da gestação pode ser normal sangrar no início da gravidez. Claro que sangue sempre assusta, mas a melhor medida é entrar em contato com o seu médico e fazer o comentário sobre a quantidade desse sangramento para ter a orientação seguinte. É importante manter a calma, não entrar em pânico e comunicar o seu médico”, indica o Dr. Alberto.

Provavelmente não será nada sério, mas é importante a realização de um exame clínico, normalmente uma ultrassonografia, para descartar qualquer complicação. Mas se o caso for de sangramento forte, o indicado é procurar uma emergência médica.