Dicas de exercícios para gestantes

Praticar exercícios na gravidez pode trazer muitos benefícios para mulher e bebê. Por exemplo, melhora o preparo físico cardiopulmonar, diminui dores comuns neste período e melhora o equilíbrio.

Porém, antes de qualquer coisa é necessário procurar seu médico para verificar o que permitido, já que pressão alta e placenta baixa restringem a pratica de algumas atividades.

Outro ponto importante é a frequência cardíaca da mãe, que não pode ultrapassar 140 bpm. Confira algumas opções de exercícios para gravidas:

 Leia ainda: Melhores cosméticos para usar na gestação

Atividades físicas para mulheres gravidas

Caminhada:

gravida caminhando

A caminhada tem o papel de melhorar o condicionamento físico, de aumentar o fluxo sanguíneo para os músculos e diminuir o stress. Porém, é importante respeitar alguns limites: andar em superfície regular, frequência cardíaca dentro do permitido, e temperatura ambiente menos do que 38ºC.

Se a mulher preferir caminhar na esteira é preciso atenção para um detalhe, pois com o aumento da barriga as pernas ficam mais abertas e as passadas mais largas na hora de caminhas. Praticar a atividade três vezes por semana durante 30 a 40 minutos é o suficiente.

Corrida leve: 

caminhada leve para gravidas

Mulheres que já costumavam correr antes da gravidez podem continuar com a atividade, desde que seja leve, respeite a frequência cardíaca permitida e que seja feita até os três meses de gestação. Depois disso, o corpo da mulher sofre aumento de massa, mudança no centro de gravidade, postura, marcha e equilíbrio, o que pode provocar quedas e desequilíbrio.

Pilates: 

gravida fazendo pilates

O exercício trabalha o músculo do assoalho pélvico e a respiração, que ajudam para um parto mais tranquilo. Ele pode ajudar também da redução da diástase abdominal, quando os músculos separam-se devido ao grande peso que sustentavam. Porém, nem todos os exercícios do pilates podem ser realizados devido à posição e esforço necessários, o que necessita do acompanhamento de um fisioterapeuta.

Hidroginástica: 

gravida hidroginastica

O exercício é muito indicado para gravidas, pois diminui o stress e o risco de quedas ou lesões é pequeno. Mas atenção, a temperatura da água não deve ultrapassar 31ºC – o que pode elevar a pressão e favorecer desmaios – e o pH da água deve estar entre 7,2 e 7,6 para não provocar irritações e infecções.