Quanto tempo dura um parto normal? E uma cesárea?

Você nunca esquecerá o momento do nascimento do seu filho. A hora em que ele chorar pela primeira vez e quando você finalmente irá tocá-lo irá ficar na sua memória para sempre.

Sendo parto normal ou cesariana, para você o que importará é que a sua vida mudou para sempre.

Leia também: O que levar para o hospital no dia do parto?

Mas nunca se esqueça: a cesariana é recomendada apenas quando há algum risco para a mãe ou o bebê se fosse feito o parto normal. Além de uma recuperação mais rápida, o parto normal diminui o risco de infecção hospitalar ou complicações para o bebê, e, além disso, o uso de anestesias é comum, o que reduz bastante as dores do parto.

Normalmente, um trabalho de parto – cuja contagem pode ser iniciada a partir do momento em que as contrações se tornam regulares e com intervalos de cinco minutos ou menos, dura entre 10 e 15 horas, caso essa seja a sua primeira gravidez – a partir da segunda o tempo costuma ser menor. Durante essas horas o útero se dilata, chegando a no máximo 10 centímetros no final, o suficiente para que o bebê possa passar pelo canal vaginal.

Foto: UmbigoFoto

É sempre importante lembrar que o tempo de 10 a 15 horas não é uma regra, visto que muitas mulheres têm seus filhos por parto normal em períodos menores de tempo. No hospital, por exemplo, o uso do hormônio oxitocina e o rompimento da bolsa podem acelerar o processo.

Foto: UmbigoFoto

Foto: UmbigoFoto

Já a cesariana costuma ser bem mais rápida. A intervenção cirúrgica de grande porte que bate recordes no Brasil – 50% do total de partos, contra até os 15% recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), costumam durar de 30 minutos a uma hora.

Antes da cirurgia, a mãe recebe uma anestesia peridural ou raquidiana, ou as duas, além de uma sonda urinária. É feito um corte na região do osso púbico e várias camadas de tecidos são cortadas até que se chegue ao útero. O bebê é retirado e é avaliado por um pediatra.

O fechamento da barriga é mais demorado que a sua abertura. São dados pontos em cada uma das camadas que foram cortadas. A recuperação da cesariana é mais lenta e dolorida que a do parto normal, afinal trata-se de uma cirurgia. Medicamentos como antibióticos e anti-inflamatórios, além de analgésicos, são administrados por um período de até dez dias após o parto.


    1. Avatar
      cristiane 8 de março de 2015
    2. Avatar
      tatoane 13 de janeiro de 2016
    3. Avatar
      Edineia Araújo da Silva 30 de maio de 2016

    Add Your Comment

    *