O que muda na gestação de gêmeos

Muitas mulheres esperam ansiosas pelo resultado positivo que indique a gestação. Mas, e quando ao invés de apenas um bebê, a gravidez for de gêmeos? Com certeza a felicidade é dobrada!

Uma recente pesquisa mostrou que cresceu, nos últimos anos, o número de gêmeos no Brasil. Nestes casos, os cuidados também devem valer por dois? Veja a seguir todas as informações:

Mais cuidados

As gestações de gêmeos não são necessariamente de risco. Mas, para que tudo corra bem as mulheres precisam sim aumentar os cuidados.

Leia ainda: Como congelar a papinha do bebê sem perder nutrientes

Foto: gab.giggle.com.

Foto: gab.giggle.com.

Repouso

As mulheres gravidas de gêmeos vão precisar de muito repouso ao longo da gestação, isso porque o corpo vai sentir o peso de carregar duas crianças, precisando se recompor. Com o avançar dos meses, o aumento da barriga pode causar intensa dor nas costas, então é necessário descansar sempre que possível.

Cuidados com a pressão

O volume de sangue no corpo da mulher gravida de gêmeos é maior. Sendo assim, é mais fácil que a pressão se altere e suba. As gestantes precisam sempre realizar monitoramento para manter a pressão controlada.

Dá pra fazer parto normal?

A dúvida é frequente. Apesar de a maioria dos partos de gêmeos acontecer por cesariana, é possível sim ter os dois bebês por meio de parto normal.

Parto prematuro

A grande maioria dos partos de gêmeos ocorre de forma prematura. Para preservar a saúde e realizar o parto com segurança, muitos partos são realizados entre a 34ª e a 37ª semana. Portanto, não se preocupe, é absolutamente normal.

A importância da alimentação

A alimentação é importante para qualquer gestação, mas para uma gestação de gêmeos ela é ainda mais valiosa. A mulher precisa fornecer, por meio dos alimentos que ingere, nutrientes para o desenvolvimento de dois bebês, por isso deve se alimentar corretamente, sempre de forma suficiente e balanceada.