Search
Search
X

Grávida pode tomar amoxicilina?

Durante a gravidez alguns medicamentos devem ser evitados pela gestante, será que a Amoxilina está na lista dos remédios proibidos?

Como o uso de medicamentos durante a gestação deve ter uma atenção redobrada, esclareça agora mesmo se grávida pode tomar amoxicilina ou não.

 A amoxicilina é um antibiótico que faz parte da família da penicilina, sendo usada para o tratamento de infecções bacterianas nas vias respiratórias, inflamações gastrointestinais, infecções cutâneas, meningite, entre outros.

 Amoxicilina 500mg ou 875mg

De acordo com especialistas, a mulher grávida pode tomar amoxicilina em qualquer fase da gestação, sem que isso ofereça riscos para a saúde do bebê em seu ventre. Esse medicamento não atravessa a placenta e, por isso, não causa danos ao feto. Por ser considerada segura, a amoxicilina é amplamente utilizada por gestantes.

gravida pode tomar amoxicilina para dor de dente

O seu uso por mulheres amamentando também não afeta o bebê, pois a quantidade que alcança o leite materno é insignificante.

Apesar disso, mesmo com a afirmação de que a grávida pode tomar amoxicilina, o ideal é que isso seja feito apenas após o primeiro semestre de gestação, exceto quando o médico considera realmente necessário.

De acordo com a FDA (órgão dos EUA que avalia medicamentos e alimentos), a amoxicilina apresenta o risco de nível B, o que significa que não foram diagnosticados efeitos colaterais pelo uso desse medicamento nos testes feitos em cobaias animais.

Apesar de testes não terem sido realizados em gestantes e bebês, também não foram encontradas nenhum tipo de alteração em bebês cuja mãe tenha feito o uso desse componente durante a gravidez.

medico responde amoxicilina na gravidez

Foto: Gravidezefilhos

 Grávida pode tomar amoxicilina para dor de dente?

A dor de dente é comum durante a gravidez, já que os casos de gengivite e de sensibilidade dentária são maiores nessa fase. Por isso, em caso de dor de dente, a gestante pode usar um analgésico (no caso, o paracetamol) para o alívio do sintoma.

Porém, se o quadro for de gengivite (que corresponde a uma inflamação na gengiva), é necessário tomar um antibiótico. Nesse caso, a amoxicilina pode ser indicada pelo médico ou dentista.

É importante salientar que, apesar de os especialistas afirmarem que a mulher grávida pode tomar amoxicilina, é fundamental que isso seja feito apenas sob orientação de um profissional, que irá avaliar a necessidade de fazer uso do medicamento, com base em uma avaliação criteriosa.



Para dor de garganta na gravidez: veja o que fazer

Dor de garganta durante a gestação pode ter como causa uma inflamação ou infecção. Ao invés de tomar medicamentos à base de amoxicilina, também é possível fazer uso de métodos naturais para o tratamento.

amoxicilina gravidez primeiro trimestre

Foto: Otosurgical

Confira alguns tratamentos indicados:

  • Para ajudar a tratar a inflamação e aliviar a dor de garganta, tome 2 colheres de mel, acrescentando 10 gotas de extrato de própolis. A própolis atua como um antibiótico natural e o mel ajuda a lubrificar a garganta. Tome uma vez ao dia.
  • Inclua na dieta alimentos que são ricos em vitamina C (como laranja, morango ou brócolis). O consumo desses alimentos vai contribui para o aumento da defesa do organismo, favorecendo a cura da inflamação.
  • Faça um suco de romã, batendo no liquidificador uma fruta junto a um copo de água. Acrescente uma colher de mel e beba 2 vezes ao dia. A romã apresenta uma potente ação anti-inflamatória, ajudando a reduzir a inflamação.

Amoxicilina com clavulanato de potássio na gravidez

O uso de amoxicilina com clavulanato de potássio não é recomendado durante a gestação. Por essa razão, se a mulher estiver fazendo um tratamento à base desses componentes e descobrir que está grávida, o uso deve ser suspenso e o médico informado imediatamente.

Apesar de não indicado para a gravidez, a amoxicilina com clavulanato de potássio pode ser usada durante a amamentação, sem causar riscos ao bebê.

Grávida pode tomar amoxicilina?
Avalie esta matéria!






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*