Grávida pode comer chocolate? Faz mal para o bebê?

Chocolate é uma tentação para quase todas as pessoas. Seja em barras, em bolos, biscoitos ou misturados ao leite. Mas, será que o chocolate é proibido num momento tão importante e delicado para a mulher, como na gravidez?

Confira aqui se você pode comer tranquilamente ou se há restrições:

Chocolate faz mal?

Depende do seu caso. O chocolate possui níveis altos de gordura e açúcar. Você não poderá consumir se tiver pré-disposição a ter diabetes gestacional ou se está de sobrepeso. O chocolate pode ser resistente à insulina que seu corpo produz.

Se você não se enquadra nesses casos, então o chocolate está liberado. Claro, sem abusar! É recomendável que o consumo não passe de 30g por dia ou um bombom.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Chocolate dá enjoo e azia?

Sim! O excesso de gordura e açúcar do chocolate provocam alguns desses sintomas. Isso acontece pela fermentação, potencializando a acidez gástrica.

A gordura atinge e relaxa o esfíncter do estômago. O resultado é o enjoo.

Porém, preocupe-se com esses efeitos caso você já tenha essa pré-disposição. Há casos em que grávidas não sentem nada.

O bebê gosta quando a mãe come chocolate?

Segundo estudos, a serotonina presente no chocolate, que dá a sensação de prazer, atinge apenas a mamãe. A substância não consegue atravessar a placenta.

Portanto, você come para se sentir bem. Nada altera o humor do seu bebê.

Foto: Sizzlingmagazine

Foto: Sizzlingmagazine

O chocolate meio amargo é a melhor opção?

Sim. Quanto maior a concentração de cacau, maior valor nutricional possui. O cacau é antioxidante e ajuda a regular a saúde do seu corpo.

Chocolates meio amargos concentram entre 40% e 50% de cacau na composição. Você pode encontrar também chocolates com concentração superior a 80%. Eles possuem menos açúcar, leite e gordura.

Fuja do chocolate branco porque é o mais gorduroso.

Chocolate diet é mais saudável?

O chocolate tipo diet apenas não tem açúcar. Se pensa que pode comer à vontade e sem culpa, engana-se. Ele é calórico e gorduroso, assim como um chocolate comum. Às vezes pode ser mais gorduroso que o normal, já que o açúcar não existe e precisa compensar essa ausência em sabor.

Leia também: Produtos que as famosas usam para prevenir estrias na gravidez

Veredicto

  • De modo geral, as grávidas podem comer chocolate de forma moderada.
  • As mamães que possuem alguma pré-disposição a ter diabetes ou tem sobrepeso devem evitar;
  • Fuja de chocolates diet.

Consulte seu médico e faça exames para saber se há alguma tendência a ter problemas de saúde quanto ao consumo de chocolate.