Dar vacina de 2 meses particular ou pública do posto de saúde?

Ao chegar o momento da vacinação, muitos pais se perguntam se é melhor ir ao posto de saúde e vacinar gratuitamente ou ir até uma clínica e pagar pelo serviço.

Mais do que uma questão de preferência e custos, é necessário analisar o que cada um pode oferecer quanto ao serviço.

Veja agora, vacina por vacina, o que são e como isso é ofertado pela rede pública e particular.

Poliomielite

A transmissão da doença é realizada via oral. Esta causa a Paralisia Infantil. Apesar de estar erradicada no Brasil, ela está presente ao redor do mundo. Por isso é importante estar protegido.

Foto: Health.usnews

Foto: Health.usnews

Pólio inativada (IPV ou VIP):

  • Vacina de vírus inativados, composta pelos três tipos de vírus da poliomielite;
  • A VIP induz anticorpos neutralizantes contra os três poliovírus;
  • Oferecida nas clínicas particulares;
  • Nas primeiras duas doses (com dois e quatro meses) também oferecidas na rede pública.

Na rede pública a vacina VIP é oferecida separadamente, portanto, somente uma picada para ela.

Na rede particular a vacina VIP compõe a hexavalente, portanto uma única picada para seis vacinas.

DPT

Chamada também como a vacina tríplice bacteriana. A vacina previne contra Difteria, Tétano e Coqueluche (Pertussis).

Há dois tipos de vacina:

  • Comum ou de células inteiras – disponível na rede pública;
  • Acelular – oferecida na rede particular.

A eficácia entre os dois tipos são bem semelhantes, mas a ocorrência de reações é 70% menor na vacina acelular.

Na rede pública:

  • A DPT é apenas uma única picada (Hepatite V, Hib e VIP Pentavalente);
  • A criança vai receber três picadas (Penta+ Pneumo+ VIP).

Na rede particular:

  • A DTP acelular é uma única picada (Hepatite B, Hib e VIP Hexavalente);
  • A criança vai receber duas picadas (Hexavalente e Pneumo).

Rotavírus

Protege de infecções pelo rotavírus. O vírus causa vômito e diarreia. Pode ser necessária uma internação hospitalar.

Vacina Oral Rotavírus Monovalente apresenta cobertura contra o sorotipo G1P1. Na rede pública tomam-se duas doses.

Vacina Oral Pentavelente apresenta cobertura para cinco subgrupos do vírus. Disponível na rede particular. Tomam-se três doses.

Pneumocócica

Rede pública há disponível a Pneumo 10 Valente.

Protege contra doenças invasivas e otite causadas por Streptococcus pneumoniae de 10 sorotipos (1, 4, 5, 6B, 7F, 9V, 14, 18C, 19F e 23F).

Rede Particular há disponível a Pneumo 13 Valente.

Protege contra 13 tipos da bactéria pneumococo (1,3,4,5, 6a, 6B, 7F , 9V, 14, 18C, 19A 19F, 23F).

O sorotipo 19 A é um dos mais agressivos contra pneumonia e meningite.

Foto: time.com

Foto: time.com

Haemophylus influenzae tipo B (Hib)

Está bactéria causa infecções como:

  • Otites;
  • Pneumonias;
  • Sinusites

A vacina está disponível tanto nos postos de saúde quanto em clínicas de vacinação. Ambas são aplicadas em uma única picada.

Leia também: Calendário de vacinação do bebê até 2 anos

A diferença entre a rede pública e particular está na disponibilidade total das vacinas necessárias ao bebê. As campanhas de vacinação auxiliam no acesso da população, mas não cobrem todas as vacinas existentes e importantes.

Escolha sabiamente e veja se vale a pena ter o acesso básico em postos de saúde ou pagar pela cobertura em clínicas.

Vacinas de 2 meses em clínicas particulares não dão reação?

Muitas mães procuram as clínicas particulares apenas pensando que a vacina particular não dará reações no bebê, como a temida febre. Verdade ou mito? Mito!

A questão é que as reações podem ocorrer tanto em clínicas particulares quanto no posto de saúde, ou seja, na pública. Isso pode variar de acordo com organismo da criança, que pode ou não manifestar alguma reação, como a febre.

Portanto, o mais importante a fazer é não deixar de vacinar seu bebê, seguindo a caderneta de vacinação, seja no posto de saúde, na maternidade ou em clínicas particulares.


  • Adicione um comentário

    *