Chás para Bebês com Gases, pode?

Muitas mamães ficam apreensivas com este assunto. Acham que qualquer choro do bebê pode ser cólica – os famosos gases presos, etc. Logo querem dar algo para amenizar o incômodo do bebê.

Mas, será mesmo que chás ajudam a aliviar os gases do seu filho?

O que são os gases do bebê?

Os gases que bebês expelem podem vir do ar que ingerem ao se alimentar, ou quando choram ao chupar dedo e chupeta. Outro tipo de gás é formado pela digestão do alimento, somado ao oxigênio da ingestão e do nitrogênio deglutido. Esses gases podem sair pela boca em forma de “arroto” ou em forma de pum (flatulências).

Excesso de gases no intestino é por conta do ar engolido. Se o bebê não mama corretamente é por que ou não está com a pega correta ou toma muita lactose ou pouca gordura. Isso contribui na formação de gases.

01-01

Foto: Divulgação

Orientações

O uso de mamadeiras favorece a ingestão de ar enquanto o bebê mama. Com os gases presos vêm o incômodo, a dor e o choro, devido às cólicas.

Na verdade, quando o bebê chora necessariamente não é pela dor dos gases acumulados. Quando se faz um raio-X da barriga do bebê nota-se poucos gases.  O que acontece é que ele pode chorar por qualquer outro motivo, como saudade da mãe, fome, troca de fraldas, etc.

Se você o pega no colo, faz carinho e em pouco tempo ele arrota é porque acumulou gás, mas se arrotou já é um bom sinal.

Se o seu filho mama no peito e demora a arrotar, não adianta forçar. Não é uma regra ter que arrotar logo depois de comer, depende do organismo da criança e da mamada. Com a pega certa ele ingere pouco ar. Com a pega errada (com barulhos) é provável que entre mais ar.

O que seu filho vai adorar é mamar e ficar nos seus braços. Arrotar é consequência, tenha paciência e não o balance para que o arroto saia.

Devo dar chá?

Nada de chás! E nada de:

  • Água;
  • Remédios de qualquer tipo (natural ou artificial) sem orientação de um pediatra, que fará uma avaliação do caso e verá se há necessidade do uso;

Leia mais: Mau hálito no bebê, o que pode ser?

Isso pode provocar cólicas ou problemas mais graves por ele/a não estar acostumado a esses alimentos e remédios. Aí sim, ele pode ter complicações.

Então fique atenta, tenha paciência e cuidado. Seu filho pode arrotar ou soltar “pum” normalmente, mas não significa que gases presos estejam incomodando e que sejam a causa do choro.

Quer compartilhar sua experiência? Comente aqui conosco!

Veja algumas matérias que poderão ajudar: