Chás para Bebês com Gases, pode?

You are currently viewing Chás para Bebês com Gases, pode?

Muitas mamães ficam apreensivas com este assunto. Acham que qualquer choro do bebê pode ser cólica – os famosos gases presos, etc. Logo querem dar algo para amenizar o incômodo do bebê.

Mas, será mesmo que chás ajudam a aliviar os gases do seu filho?

O que são os gases do bebê?

Os gases que bebês expelem podem vir do ar que ingerem ao se alimentar, ou quando choram ao chupar dedo e chupeta. Outro tipo de gás é formado pela digestão do alimento, somado ao oxigênio da ingestão e do nitrogênio deglutido. Esses gases podem sair pela boca em forma de “arroto” ou em forma de pum (flatulências).

Excesso de gases no intestino é por conta do ar engolido. Se o bebê não mama corretamente é por que ou não está com a pega correta ou toma muita lactose ou pouca gordura. Isso contribui na formação de gases.

01-01
Foto: Divulgação

Orientações

O uso de mamadeiras favorece a ingestão de ar enquanto o bebê mama. Com os gases presos vêm o incômodo, a dor e o choro, devido às cólicas.

Na verdade, quando o bebê chora necessariamente não é pela dor dos gases acumulados. Quando se faz um raio-X da barriga do bebê nota-se poucos gases.  O que acontece é que ele pode chorar por qualquer outro motivo, como saudade da mãe, fome, troca de fraldas, etc.

Se você o pega no colo, faz carinho e em pouco tempo ele arrota é porque acumulou gás, mas se arrotou já é um bom sinal.

Se o seu filho mama no peito e demora a arrotar, não adianta forçar. Não é uma regra ter que arrotar logo depois de comer, depende do organismo da criança e da mamada. Com a pega certa ele ingere pouco ar. Com a pega errada (com barulhos) é provável que entre mais ar.

O que seu filho vai adorar é mamar e ficar nos seus braços. Arrotar é consequência, tenha paciência e não o balance para que o arroto saia.

Devo dar chá?

Nada de chás! E nada de:

  • Água;
  • Remédios de qualquer tipo (natural ou artificial) sem orientação de um pediatra, que fará uma avaliação do caso e verá se há necessidade do uso;

Leia mais: Mau hálito no bebê, o que pode ser?

Isso pode provocar cólicas ou problemas mais graves por ele/a não estar acostumado a esses alimentos e remédios. Aí sim, ele pode ter complicações.

Então fique atenta, tenha paciência e cuidado. Seu filho pode arrotar ou soltar “pum” normalmente, mas não significa que gases presos estejam incomodando e que sejam a causa do choro.

Quer compartilhar sua experiência? Comente aqui conosco!

Veja algumas matérias que poderão ajudar:

Equipe Gestação Bebê

A equipe de redatores do Gestação Bebê é formada por jornalistas e profissionais convidados de diversas áreas, como pediatria e psicologia.

Este post tem 2 comentários

  1. caroline

    Sou mãe dos gêmeos Francisco e Joaquim e com quase 2 meses eles começaram a ter cólicas fortíssimas de chorar por 3 hrs sem parar. Como eles mamavam no peito e complementava com formula tentei primeiramente comprar mamadeiras que não deixam o bebe ingerir muito ar e não resolveu, depois passei a dar remédio simeticona não resolveu, dimeticona+metilbrometo de homatropina resolveu um pouco mais foi temporariamente, funchicoria colocava um pouco no bico acalmava mais depois que o sabor passava começavam a chorar de novo ou seja, remédio nenhum resolveu. Fiz massagens, compressas e nadaa. Uma Amiga falou pra dar chá de funcho e eu não quis dar pq o pediatra falou que não podia e porque eu tinha medo dessas coisas naturais. Um dia os meninos choraram muito de perder o folego foi desesperador ai deixei de lado as recomendações do pediatra e meu receio e dei o chá de FUNCHO e funcionou! Os meninos param de sentir dor e passaram a chorar só quando queriam mamar ou dormir. Depois disso sempre dou chazinho para eles. Estavam gripados o pediatra disse pra dar só água e nada deles melhorarem dei um chazinho e melhoram. Com as experiencias que tive com chazinho eu não tenho mais nada contra.

  2. Natália

    Meu Pedro tem apenas 28 dias de nascido, e desde os 15 dias dou chá de Erva doce e chá Preto. E meu bebê se sente bem melhor. Ele mal sente cólicas, dorme a noite, acorda só uma vez para mamar!

Deixe uma resposta