Benefícios da linhaça na gestação

A linhaça é um alimento extremamente rico em fibras, óleos e ômega 3 – dentre muitas outras substâncias importantes – que oferecem muitos benefícios às gestantes. Saiba a seguir mais sobre cada um deles, e inclua o alimento em sua dieta:

Linhaça

A linhaça é um grão que possui em sua composição carboidratos, proteínas, gorduras boas e fibras. Alguns de seus benefícios são o auxílio na prevenção de problemas, o combate ao sobrepeso e o envelhecimento precoce das células. Para as gestantes, a linhaça é capaz de proteger a mulher de doenças obstétricas e do parto prematuro.

Leia ainda: Teste de paternidade durante a gestação

Outros benefícios

As fibras presentes na linhaça possibilitam o bom funcionamento do intestino e afastam a prisão de ventre – comum entre as gestantes. A ingestão de fibras deve ser sempre associada ao consumo intenso de líquidos.

A retenção de líquidos é outro problema que acomete as gestantes, e os ácidos graxos e os ômega 3 e 6 existentes na linhaça favorecem a circulação do sangue o funcionamento dos rins, aliviando o inchaço.

Os prebióticos são ainda outro ingrediente benéfico, que fortalecem o sistema imunológico da gestante, o que consequentemente protege o bebê.

Formação do bebê

Os ácidos graxos e os ômegas ajudam ainda no crescimento e na formação de importantes partes do bebê, como o cérebro, além do desenvolvimento cognitivo. A ingestão de linhaça pela mãe também faz com que sejam prevenidas doenças crônicas que possam surgir na fase adulta.

Nada de milagres

Apesar dos muitos benefícios, a linhaça não é milagrosa, e uma gestação saudável depende da combinação de uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes, de exercícios físicos, de repouso e tranquilidade, e da eliminação de cigarros e bebidas alcoólicas. Além disso, os benefícios da linhaça só são percebidos quando seu consumo é regular – eles não são sentidos a curto prazo.