Acupuntura ajuda no aleitamento?

Um dos assuntos que mais inquieta as mamães de primeira viagem é o aleitamento. A maioria tem medo de não conseguir produzir leite suficiente para alimentar seus bebês. Outras, no entanto, realmente produzem pouco leite, e acabam precisando de uma ajudinha para amamentar.

A acupuntura, técnica bastante popular no Oriente com aplicações diversas, tem sido utilizada para o estímulo da produção de leite. Mas, será que ela funciona mesmo?

A acupuntura e o aleitamento

Não existe um ponto específico no corpo que possa ser estimulado pela acupuntura para a produção de leite. O papel da acupuntura é outro. Ela auxilia no tratamento do quadro emocional, que é de tensão nestes casos, agindo sobre o sistema nervoso central, glândulas endócrinas e hormônios. Toda essa combinação produz prolactina, que estimula as glândulas mamárias e a produção de leite.

Sendo assim, a acupuntura tem um papel indireto mais que pode ajudar muito no aumento a produção de leite materno pela mulher.

 Leia ainda: Dicas de moda praia para gestantes

Resultados

Relatos de algumas mulheres que tentaram a acupuntura como método para o estimulo da produção de leite mostram que a técnica pode apresentar resultados imediatos, percebidos até mesmo durante a realização da primeira sessão.

Amamentação e equilíbrio

A amamentação é uma combinação de muitos fatores, e o equilíbrio emocional é um deles, muito importante. O medo, a tensão e estresse acabam atrapalhando e bloqueando a produção de leite. Por isso, para que tudo flua normalmente é necessário estar em equilíbrio.

Alimentação

A alimentação outro fator determinante. A mulher precisa se alimentar bem, não fazendo qualquer tipo de dieta após o parto. Sua alimentação precisa ser saudável, equilibrada e balanceada, já que influencia diretamente na produção de leite.

Repouso

O repouso é outro ponto importante. A mulher precisa repousar o máximo possível, pois com as energias renovadas seu corpo será capaz de produzir a quantidade necessária de leite.