Cuidados com mamadeiras e chupetas customizadas

Chupetas e mamadeiras customizadas podem até ser bonitas, diferentes, às vezes até brilham e chamam a atenção, oferecendo uma grande tentação para mães e pais afoitos por novidades.

Mas esses produtos também podem ser um sério perigo para o bem-estar do bebê.

Leia mais: Qual a melhor pomada para prevenir assaduras em bebê?

A aplicação de cristais, adesivos, pequenas pedras brilhantes ou glitter não são recomendados para esses produtos de uso infantil, já que podem se descolar e entrar na boca ou nariz do bebê, causando engasgo ou até mesmo o sufocamento.

De acordo com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), todas as chupetas e mamadeiras vendidas no país precisam estar regulamentadas e seguir todas as regras de segurança estipuladas por ele, após a realização de inúmeros testes que garantem a segurança do produto.

Entretanto, a customização é considerada uma alteração no produto original, o que torna necessária uma nova avaliação técnica, o que geralmente não acontece – e é aí que mora o perigo.

Foto: Daddyconfidential

Foto: Daddyconfidential

“O Inmetro esclarece que as chupetas e mamadeiras customizadas são consideradas um novo produto e, portanto, devem ser submetidas a uma nova avaliação independente daquela realizada para o produto utilizado como base para a customização”, disse o órgão em nota divulgada no início de janeiro.

Além do perigo de se soltarem, os adornos utilizados nas chupetas e mamadeiras podem utilizar produtos tóxicos, como a cola, que podem provocar reações indesejadas e graves nos bebês. Esses produtos são mais comumente encontrados em feiras de rua e artesanato, e por isso é necessário dar preferência a produtos adquiridos em locais onde seja possível obter a nota fiscal do produto, como lojas especializadas em produtos para bebês, farmácias e drogarias, além de observar o selo de garantia do Inmetro.

O Inmetro informa ainda que atualmente estuda medidas para o controle do problema, incluindo, eventualmente, a determinação da proibição da customização de produtos de uso infantil, especialmente aqueles que são levados à boca.

Foto: MUK

Foto: MUK

Se você, mamãe, deseja que o seu bebê utilize uma chupeta ou mamadeira diferente, mais bonita e colorida, opções seguras não faltam.

Há marcas tradicionais no mercado brasileiro como:

  • Nuk (www.nuk.com.br);
  • Neopan (www.neopan.com.br);
  • Lillo (www.lillo.net.br);
  • Kuka (www.kuka.com.br);  e
  • MAM (www.mambaby.com.br)

Elas oferecem uma infinidade de chupetas, mamadeiras e copos de treinamento divertidos e diferentes para o seu filho, sempre com aprovação do Inmetro e muita segurança.

Nenhum produto bonito é mais importante que a saúde do seu bebê: não vale a pena o risco.