Search

Corrimento Amarelado na Gravidez: o que pode ser?

O corrimento amarelo pode causar coceira, ardência, ter um fluxo mais intenso e espesso e até provocar dores durante a relação sexual

Corrimento amarelado na gravidez: o que pode ser? Entenda nessa matéria!

É comum a mulher perceber, por vezes, algum tipo de corrimento, que são secreções eliminadas pela vagina.

É importante, nesses casos, verificar as características da substância, pois elas podem determinar se é algo comum e inofensivo ou se é um indício de doença ou infecção da vagina.

O que é corrimento amarelo?

Corrimentos transparentes, levemente amarelados e sem cheiro (ou com odor fraco) são apenas células mortas da vagina e bactérias da região vaginal expelidas com muco, que servem para lubrificar o canal vaginal, limpá-lo de impurezas e protegê-lo contra infecções.

corrimento amarelado na gravidez prejudica o bebe

Caso o corrimento possua cor amarelo forte e odor intenso, entretanto, poderá ser um sinal de alguma infecção vaginal. (YouTube)

Corrimento amarelo: o que pode ser?

O corrimento amarelado na gravidez pode ter muitas causas. Ele pode ser uma consequência de infecções relativas ao próprio organismo da mulher, como alterações hormonais ou aumento da quantidade das bactérias ou fungos na região da vagina, como o Candida albicans, que provoca a candidíase e é um dos motivos mais comuns para infecção.

   

Doenças sexualmente transmissíveis, como a tricomoníase, a gonorreia e a clamídia, também provocam corrimento.

Receba notícias do Gestação Bebê. É grátis!

messengerFacebook Messenger

Tudo sobre gravidez e filhos pelo chatbot do Gestação para o Facebook Messengergestação botao

Alergias à perfumes, sabonetes, absorventes, preservativos e outros produtos íntimos também podem provocar corrimentos. Em casos mais graves, o corrimento amarelado pode ser causado por HPV, herpes genital e câncer do colo do útero.

Corrimento amarelado na gravidez é normal?

Como durante a gravidez o fluxo sanguíneo da mulher aumenta consideravelmente, é comum a gestante notar o aparecimento de secreções vaginais. Entretanto, essas secreções só são saudáveis caso sejam transparentes ou amareladas (cor clara) e inodoras.

corrimento amarelo claro

No caso de percepção de corrimento amarelo, esverdeado, marrom ou com sangue, é importante conversar sobre essa secreção com o ginecologista o mais rápido possível, pois é necessário avaliar a origem do corrimento e tratar o problema o quanto antes, já que infecções vaginais podem acarretar em abortos, na ruptura da bolsa, interferir no crescimento e peso do bebê e partos prematuros.

Corrimento amarelo pastoso

O corrimento amarelo pastoso, que se assemelha a pus, geralmente é causado por doenças sexualmente transmissíveis. Além da alteração da textura da secreção, a mulher pode perceber, por vezes, sangramentos, dores e coceiras na região vaginal.



Esse tipo de corrimento deve ser tratado o mais rapidamente possível.

remedio para corrimento amarelo

Foto: HelloGiggles

Fique atenta ao odor e a coceira. O odor e a coceira são características de infeção vaginal, mesmo que acompanhadas de secreção em pequena quantidade. Caso a mulher perceba esses sintomas, é importante conversar com o médico para verificar o melhor tratamento.

Tratamento para Corrimento amarelado: qual remédio usar?

Para tratar o corrimento amarelado na gravidez, são prescritos antibióticos e antiparasitários, que devem ser receitados por um profissional da saúde. Caso a mulher esteja grávida, é fundamental conversar com o médico ginecologista para que ele prescreva medicamentos compatíveis com a gestação, ou seja, que não afetem o bebê.

O médico também indicará um medicamento para o parceiro da mulher, mesmo que ele não tenha percebido nenhuma irregularidade, para que os sintomas não apareçam posteriormente e para evitar que a mulher seja contaminada novamente.

Como medidas para amenizar o desconforto causado pelo corrimento amarelado e evitar o aumento de secreções, a mulher deverá manter a região genital sempre limpa, de preferência com o uso de sabonete neutro e evitando a assepsia do canal vaginal (pois pode eliminar a proteção natural da região), utilizar calcinhas de algodão e evitar produtos íntimos com perfume, assim como evitar a utilização de absorventes tradicionais, internos e protetores diários durante o tratamento do problema.

Corrimento Amarelado na Gravidez: o que pode ser?
5 (100%) 1 vote

- Publicidade -

- Publicidade -




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*