Como cortar as unhas do bebê

O momento certo de cortar as unhas dos bebês sempre confunde muitas mamães, já que as mãozinhas e dedos das crianças são tão pequenos e frágeis. Porém, apesar disso, é necessário manter a higiene do pequeno, bem como evitar que ele acabe se machucando.

Veja a seguir dicas importantes para cortar as unhas do seu bebê de maneira segura e indolor:

Quando é o momento certo de cortar as unhas do bebê?

Algumas crianças já nascem com unhas compridas, mas mesmo assim, os pais não devem cortá-las nos primeiros dias de vida, pois elas são muito flexíveis, e a possibilidade de sangrar é grande. Espere alguns dias para que fiquem mais rígidas  Caso seja necessário – e esteja calor – coloque luvinhas para proteger o bebê de seus arranhões.

Quando perceber que as unhas podem ser cortadas, faça com bastante cuidado.

As unhas das mãos podem crescer muito rápido, e algumas vezes precisam cortadas mais de uma vez por semana. Já as unhas dos pés demoram bem mais para crescer, e costumam ser mais grossas, portanto mais fáceis de cortar.

 Leia ainda: Dicas para engravidar de bebê menino

Como fazer?

Algumas crianças possuem unhas tão finas e flexíveis que possível apará-las retirando os excessos com a própria mão.

Existem também tesouras e cortadores especiais para bebês, que são pequenos, de fácil manuseio e pontas arredondadas. Posicione os demais dedos para baixo enquanto corta as unhas.

Quando for cortar, peça ajuda para um outro adulto: um realiza o corte e o outro segura o bebê para evitar que ele fique agitado. Outras possibilidades bastante eficazes são cortar as unhas enquanto seu filho mama ou dorme.

Quando cortar, procure dar formato redondo às unhas. Evite deixar pontinhas laterais, elas podem machucar, principalmente o rostinho. Algumas mães usam um truque que pode parecer estranho, mas garantem que funciona: roem os cantinhos das unhas de seus bebês para tirar as pontinhas.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*