Gestação de 1 a 2 semanas

Você está grávida. Nestas duas primeiras semanas e durante todo o primeiro trimestre, você precisará de cuidados redobrados. Existem alguns cuidados que se fazem necessários, para evitar um aborto espontâneo, algo que é muito comum no início de uma gravidez. Mais comum do que se pensa. Porém, mantenha a calma e não fique preocupada e ansiosa com tudo que ler e ouvir, isso também afeta seu estado emocional, que afeta sua saúde e, principalmente, o seu bebê.

Outro detalhe importante: nenhuma gravidez é igual a outra. Não faça comparações.Isso não é uma competição. Portanto, nada de acreditar que porque sua amiga, mãe, vó ou tia passou por algo, você também irá passar. Fique tranquila e tire sempre suas dúvidas com seu médico. Siga rigorosamente o que ele te pedir ou receitar. É provável que ele te dê algumas vitaminas. Fique também atenta as datas das vacinas necessárias. Leia muito e lembrem-se, nós nunca estamos preparadas, por mais que achemos que estamos.

Gestação de 1 a 2 semanas: desenvolvimento

O bebê

Quando o espermatozoide fecunda o óvulo, forma-se o zigoto ou ovo. Nele estão contidos 46 cromossomos e 48 mil genes, que trazem os fatores hereditários do pai e da mãe. Após 24 horas de fecundação, o zigoto se divide em duas células, que se dividem em quatro e assim por diante. Ele produz um hormônio especial, exclusivo da gravidez, chamado de gonadotrofina coriônica, cuja missão é proteger o feto e colá-lo na parede uterina.

Leia também: 1 mês de gravidez: quais os sintomas?

A mãe

Depois do teste de gravidez confirmar que você está esperando um bebê, você fará a primeira consulta com seu ginecologista do pré-natal.O tempo que você ficará no consultório será, provavelmente, maior do que o normal. Isso porque você e o médico deverão conversar bastante, não sai do consultório com nenhuma dúvida. Ele irá pedir exames laboratoriais de sangue, urina e fezes. No exame clínico, ele vai medir a pressão arterial, o pulso e verificar seu peso, assim como examinar os seios.

Veja ainda: 2 meses de gravidez, os sintomas mudam?

O pai

A primeira coisa que os pais fazem é escolher o time de futebol do bebê. Obviamente, o mesmo que o dele. Depois disso, ele terá tantas dúvidas quanto ao desenvolvimento do feto quanto você. Além disso, ele terá uma preocupação a mais, a sua saúde.Por isso, toda informação que você encontrar, tente dividir com ele e converse bastante, para que os próximos meses sejam preenchidos com muita alegria, saúde e compreensão. Se o pai fuma, ele não deve, em hipótese alguma, fumar no mesmo ambiente que a gestante.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*